Ex-Flamengo e Palmeiras, Armero é preso nos EUA por violência doméstica

Do UOL, em São Paulo

  • Xinhua/Mauricio Alvarado/COLPRENSA

Ex-jogador de Flamengo e Palmeiras, o lateral Pablo Armero foi preso nesta terça-feira (31) em Miami, nos Estados Unidos, acusado de violência doméstica. A informação é do canal "CBS Miami".

O incidente teria acontecido em um hotel de Miami onde passava férias com a família. O relatório policial, repercutido pela CBS, afirma que os oficiais chegaram ao local depois de diversas queixas. Lá, encontraram fios de cabelos no chão e uma mulher, que seria a esposa de Armero, chorando com falhas no cabelo.

De acordo com ela, os dois saíram para beber e, ao retornar ao hotel, Armero teria a agredido. A atitude do jogador teria acontecido depois de ela recusar suas investidas.

Em um ponto da briga, Armero teria pegado uma máquina de cortar cabelo do hotel e, de maneira forçada, começado a cortar o cabelo dela. O jogador, porém, argumenta que o pedido para o cabelo ser cortado partiu da própria mulher.

O atual jogador da Udinese foi levado pelos policiais e aguardará julgamento. Armero não foi convocado para defender a seleção da Colômbia na Copa América. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos