CBF pede segurança reforçada após tiroteio em campus que treinaria

Danilo Lavieri e Guilherme Palenzuela

Do UOL, em Los Angeles (EUA)

  • Julio Cesar Guimaraes/UOL

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) solicitou à organização da Copa América segurança reforçada após o assassinato seguido de suicídio no campus da Universidade da California em Los Angeles (UCLA), onde a seleção brasileira treinaria nos Estados Unidos, nesta quarta-feira.

"Tivemos um episódio no local, fomos avisados. Temos permanente uma pessoa da Polícia Federal americana, que acompanha a delegação. E nos informou e entramos em contato, seguimos o protocolo que eles determinam. A gente pediu para anunciar para não ir para o campo errado. Sempre em contato com ele. Solicitamos que tivesse alguma segurança a mais e hoje viemos com batedores e motocicletas e sobre o ocorrido. Não foi atendado. Comuniquei aos jogadores", falou o coordenador de seleções Gilmar Rinaldi, em entrevista coletiva durante a tarde.

Após o homicídio, o campus da UCLA que seria utilizado como centro de treinamentos oficial para a Copa América foi temporariamente retirado da competição. A seleção brasileira consultou a organização da Copa América e voltou nesta quarta-feira ao StubHub Center, casa do Los Angeles Galaxy. "Provavelmente sim, já voltaremos a treinar na UCLA amanhã", disse Rinaldi. 

O meia Renato Augusto lamentou o episódio na UCLA, e também falou sobre a sensação de segurança entre a seleção brasileira. 

"É um acontecimento triste, porque as pessoas morreram. Fiquei sabendo depois que acordei, vi na internet, algumas mensagens de amigos. Temos um estafe bom de segurança e isso nos dá tranquilidade para a gente poder só pensar no jogo", falou. 

"É difícil de entender. Tanta gente com doença, tentando lutar pela vida. Mas a gente não pode lamentar demais. A gente tem um estafe boa de segurança. E vamos ficar com a cabeça boa e trabalhar bem", completou. 

A seleção brasileira estreia no sábado contra o Equador, em Pasadena, também na Califórnia.  

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos