Grêmio vai correr: 6 jogadores estão perto de poder assinar com rivais

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Bobô é um dos contratos que se encerram e devem ser ampliados no Grêmio

    Bobô é um dos contratos que se encerram e devem ser ampliados no Grêmio

Gerir o futebol de um grande clube é pensar na frente. E tal situação está preocupando o Grêmio. Com seis contratos de jogadores do time principal perto do fim, o clube vê se aproximar o período em que os jogadores poderiam assinar pré-contratos. E começará uma onda de renovações para evitar o pior. 

Os laterais Marcelo Oliveira e Marcelo Hermes, os volantes Ramiro e Moisés, o meia Douglas e o centroavante Bobô têm vínculos encerrando-se em 31 de dezembro deste ano. Sendo assim, a partir de junho podem acertar novos vínculos com qualquer clube independente do ok ou não do Tricolor. 
 
"Uma das nossas tarefas é renovar os contratos. Estamos encaminhando várias renovações. Algumas estão sendo e outras serão noticiadas em breve. É um atributo do vice de futebol e estamos trabalhando muito nisso", disse o vice de futebol, Alberto Guerra. 
 
E não são apenas eles. Dois jogadores considerados promessa da base do clube também tem vínculos no fim. O volante Arthur - que negocia ampliação de vínculo por três anos - e o zagueiro Denílson também vencem contratos na mesma época. Ambos jogam no 'time de transição' do Tricolor atualmente. 
 
Entre os vínculos por encerrar, contudo, nem todos devem ser ampliados. Marcelo Oliveira teve vínculo encaminhado, mas ainda não foi celebrado no BID. Douglas, que deixou de ser titular absoluto, não tem situação garantida e não terá o contrato ampliado tão rapidamente. 
 
O volante Moisés está lesionado e tem previsão de retorno apenas no fim do ano. Um dos últimos na fila por vaga no meio-campo defensivo, o contrato dele dificilmente será ampliado. Por outro lado, Ramiro, Marcelo Hermes e Bobô devem ter ligação ao Grêmio estendida rapidamente. 
 
Mesmo assustado, o Tricolor não vê perigo em perder de forma forçada seus jogadores. O quadro é considerado natural e muito trabalho nos próximos dias deve alinhavar os primeiros acordos. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos