Marquinhos quer deixar PSG e já decidiu entre Barça, Chelsea, City e United

Pedro Lopes

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / BORIS HORVAT

    Marquinhos comemora seu gol marcado pelo PSG contra o Olympique

    Marquinhos comemora seu gol marcado pelo PSG contra o Olympique

Atualmente na delegação brasileira que disputará a Copa América, o zagueiro Marquinhos quer deixar o PSG (FRA), e já tem um destino favorito: o Barcelona (ESP). Na mira de vários gigantes europeus, como Chelsea, Manchester City, Manchester United (ING), além do próprio time catalão, o jogador não tem vontade de permanecer no clube francês, que já tem em mãos várias propostas.

O UOL Esporte apurou que os três clubes ingleses e o Barcelona estão em negociações para tirar Marquinhos de Paris. O zagueiro, por sua vez, tem o sonho de atuar no futebol espanhol, e, particularmente, de ser companheiro de Neymar na Catalunha. Se isso não se concretizar, a Inglaterra aparece como uma alternativa que o defensor também vê com bons olhos, mas não com a mesma vontade de defender a equipe catalã.

O brasileiro não é titular no PSG, mas isso não significa que sua saída seja fácil – os franceses já recusaram oferta de 40 milhões de euros. Para contar com Marquinhos, os clubes interessados teriam que desembolsar um valor que pode chegar aos 50 milhões de euros – equivalente a R$ 200 milhões.

Por trás do desejo de sair estão a vontade de ser titular e o desejo de jogar em um dos times mais tradicionais do futebol europeu. Aos 22 anos, Marquinhos e seu estafe avaliam que o momento é ideal para uma grande transferência e o início de uma trajetória em uma das duas ligas consideradas as mais fortes do planeta.

O dono do PSG, Nasser Al-Khelaïfi, é também presidente da Qatar Sports Investments (QSi), uma das principais patrocinadoras do Barcelona. Esse fator contribui, ao lado do desejo do zagueiro, para que o destino mais provável seja a Catalunha.

Obstáculos

Embora o desejo do jogador possa pesar no desfecho das negociações, há outros obstáculos além dos valores envolvidos. Marquinhos é muito valorizado por Al-Khelaïfi, e é considerado o sucessor natural de Thiago Silva, atualmente com 31 anos – apesar de não ser titular, o jovem zagueiro entrou em campo 42 vezes na temporada.

Além disso, o PSG quer montar um elenco capaz de brigar pela Liga dos Campeões, e está disposto a investir grandes quantias financeiras – em outras palavras, dinheiro não é problema para o clube francês.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos