Técnico argentino vê pior momento do futebol brasileiro e corneta até Fred

Do UOL, em São Paulo

  • Marcos Brindicci/Reuters

    Basile foi o técnico no último título da Argentina, a Copa América de 1993

    Basile foi o técnico no último título da Argentina, a Copa América de 1993

Em entrevista ao jornal espanhol El País, o técnico argentino Alfio Basile fez duras críticas ao atual momento do futebol brasileiro. Responsável por comandar a Argentina no último título da seleção principal (Copa América 1993), ele disse que a equipe pentacampeã mundial nunca esteve tão fraca.

"O futebol brasileiro de hoje é o pior de sua história. Antes, tinham jogadores que nos davam bailes impressionantes. A técnica que o atleta brasileiro perdeu é incrível. Historicamente, nós podíamos ganhar do Brasil jogando bem, mas sempre enfrentando e sendo valentes, porque tecnicamente, eles sempre eram superiores", disse Basile, que guardou até uma "cornetada" especial.

"Tinham uns times impressionantes, e agora os vejo jogar e faltam futebolistas no meio-campo, na defesa, no ataque. Na Copa de 2014, quem jogou de centroavante foi Fred".

A opinião de Basile sobre o futebol argentino, porém, é mais positiva. Apesar de lembrar com carinho da geração que comandou no início dos anos 90, quando venceu invicto duas edições da Copa América e foi eliminado nas oitavas de final da Copa de 1994 pela Romênia, o treinador de 72 anos elogiou a geração atual da seleção.

"O futebol argentino sempre se renova. Neste ano, quantos goleadores tivemos na Europa? Todos jogadores de seleção. Impressionante o que fizeram Higuaín, Agüero, Dybala e, claro, Messi", disse.

A Argentina terá a chance de quebrar o jejum de 23 anos sem títulos na Copa América Centenário. O time estreia em 6 de junho contra o Chile. Panamá e Bolívia são as outras seleções no Grupo D.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos