Sem terminar um jogo desde o retorno, Elano deve ter nova renovação vetada

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/SantosFC

    O meia Elano tem contrato com o Santos até o dia 31 de dezembro deste ano

    O meia Elano tem contrato com o Santos até o dia 31 de dezembro deste ano

O meia Elano, aposta do técnico Dorival Júnior na derrota para o Corinthians, não terminou nenhum jogo com a camisa do Santos desde o seu retorno ao clube no início de 2015. Foram 30 partidas apenas. Ele sempre entrou no segundo tempo ou foi substituído quando iniciou como titular.

Elano realizou seis jogos nesta temporada (quatro pelo Campeonato Paulista e uma pela Copa do Brasil e outra pelo Campeonato Brasileiro). Segundo estatísticas do Footstats, ele só deu três chutes ao gol, mas não acertou nenhum. Em 2015, o meia fez cinco jogos pelo Brasileirão e acertou cinco chutes.

O UOL Esporte apurou junto da diretoria que Elano não deve ter o seu contrato renovado novamente. O camisa 11 tem contrato até dezembro deste ano e sonha em disputar mais uma Copa Libertadores da América pelo Santos antes de encerrar a carreira.

Importância para o Santos

Pouco aproveitado dentro de campo, Elano é bastante importante fora dele. O experiente atleta virou o braço direito do técnico Dorival Júnior na liderança do elenco. Bastante respeitado entre os jogadores, o meia é uma espécie de "professor linha dura", pois cobra veementemente os companheiros, tanto nos jogos como nos treinos.

Elano fica na beira do campo, onde cobra bastante os atacantes para ajudarem na marcação, além de orientações sobre posicionamento e até disciplina. Atuante do banco de reservas, o meia costuma até recebeu um cartões amarelos por reclamações.

As orientações de Elano não são apenas verbais. O atleta também ajuda os jogadores na questão técnica, principalmente nos treinamentos de cobranças de faltas e escanteios. O meia, por exemplo, tem participação direta nos dois gols de falta marcados pelo lateral-direito Victor Ferraz com a camisa do Santos.

Elano orienta semanalmente o lateral e outros atletas interessados no fundamento – casos de Lucas Lima, Gabigol, Ronaldo Mendes, Vitor Bueno e Zeca.

Fora do clube, Elano se dedica as aulas de inglês. O meia aprendeu o idioma na Inglaterra, onde defendeu o Manchester City entre 2007 e 2009. No entanto, o jogador busca aperfeiçoamento pois tem planos de se tornar uma espécie de manager ou até mesmo treinador após o término de sua carreira. A ideia é iniciar a carreira no Santos, mas o atleta visa também exercer a função fora do país.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos