Zico já fez companheiro ter desarranjo intestinal por nervosismo em jogo

Alexandre Sinato e Vanderlei Lima

Do UOL, em São Paulo

  • AFP

    Zico era tratado como rei nos tempos de Udinese, no início dos anos 1980

    Zico era tratado como rei nos tempos de Udinese, no início dos anos 1980

Imagine ter uma crise de nervosismo e, como consequência, sofrer o famoso "desarranjo intestinal" pouco antes de entrar em uma partida de futebol. Pois um jogador passou por isso quando soube que substituiria um verdadeiro fenômeno da época. A "vítima" foi o ex-atacante Loris Pradella, então na Udinese. O fenômeno era Zico.

O episódio aconteceu em 1983. Zico chegou à Udinese naquele ano como rei. A contratação foi a mais cara do futebol italiano na época. O valor era tão alto que a federação italiana chegou a anular o negócio, mas a pressão do clube e da população local fez a entidade voltar atrás, confirmando Zico como reforço do modesto time italiano.

O jovem Pradella era centroavante e estava em sua segunda passagem pelo clube. Era um jogador mediano. Zico, então, deixou o jogo já no fim. Ao saber que substituiria o craque do time, Pradella foi "traído" por seu intestino. Quem relembra a história é o próprio Zico.

"Eu soube do 'piriri' bem depois. Estava terminando o jogo e eu saí mais para descansar mesmo. Na hora não reparei em nada, mas depois soube que ele passou mal. Lógico que depois de um certo tempo isso virou motivo de brincadeira. Qualquer jogador novo que ia entrar em campo os caras brincavam: 'não vai ter dor de barriga, hein!?'", conta Zico.

O brasileiro, mais experiente, procurou tranquilizar Prandella depois do ocorrido. "Conversei com ele e falei para ter tranquilidade, pois ele tinha capacidade para jogar lá. Dei força, porque jovem a gente sempre tem que dar força. Ele era molecão. Isso acontece", diz Zico, recordando do episódio com bom humor.

Pradella, por sua vez, tornou-se um fã de Zico. Recentemente, em entrevista na Itália, ele destacou o profissionalismo e a postura do brasileiro. "O Zico dava lições de humildade. Uma vez ele chegou com as chuteiras guardadas num saco plástico. Aquilo mexeu comigo. Outra vez ele ficou sozinho uma hora a mais depois do treino para treinar faltas", descreveu Pradella.

Embora a Udinese não tenha conseguido nenhum título na época, Zico foi vice-artilheiro do Italiano em sua primeira temporada por lá. No ano seguinte, lesões o atrapalharam e seu rendimento caiu. Mesmo assim, Zico é cidadão honorário de Udine. Ele mexeu não só com o intestino de Prandella, mas com uma cidade italiana inteira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos