Saída de Luxa abre caminho para retorno de Jadson, L. Fabiano e Geuvânio

Dassler Marques e Vinicius Castro

Do UOL, em São Paulo e no Rio de Janeiro

  • CLAYTON DE SOUZA/ESTADÃO CONTEÚDO

    Luis Fabiano e Jadson treinam no Tianjin Quanjian, mas já pensam em deixar China

    Luis Fabiano e Jadson treinam no Tianjin Quanjian, mas já pensam em deixar China

A demissão de Vanderlei Luxemburgo do Tianjin Quanjian, da segunda divisão da China, abre caminho para a saída de outros três atletas que recentemente passaram por gigantes paulistas: Jadson (Corinthians), Luis Fabiano (São Paulo) e Geuvânio (Santos) já pensam em deixar o clube.

Nesse cenário, um retorno ao futebol brasileiro seria o caminho mais provável.

O UOL Esporte conversou com pessoas próximas aos atletas e integrantes da comissão de Luxemburgo, que afirmaram que os três ficaram chateados com a saída do treinador. Eles tinham topado jogar na segunda divisão chinesa confiando no "projeto" de Luxa, que incluía a modernização e profissionalização do Tianjin Quanjian, e agora se sentem órfãos.

Eles também acreditaram na promessa de que encontrariam uma grande estrutura de trabalho na Ásia, mas a realidade, depois de seis meses de trabalho, se mostrou diferente. O time patina no meio da tabela, em oitavo lugar, e está longe da zona de acesso à elite: apenas duas equipes vão subir.

Nos 12 jogos no campeonato, foram quatro vitórias, quatro empates e quatro derrotas.

Na visão dos três, sem Luxemburgo, não tem mais sentido continuar na China, embora eles estejam apresentando um bom desempenho na segunda divisão (Luis Fabiano, por exemplo, marcou 10 gols em 13 jogos).

Apesar disso, eles já começam a conversar com seus empresários para encontrar um jeito de rescindir seus contratos, antes mesmo do fim da temporada, em outubro.

A situação de Luis Fabiano parece ser a mais simples porque ele assinou um contrato de um ano, renovável por mais um em caso de acesso. Jadson tem contrato de dois anos; Geuvânio, de três. 

O que dizem os jogadores oficialmente?

O discurso oficial dos três é que cumprirão os acordos até o fim. Mas em conversas nos bastidores eles cogitam se movimentar para acertar com o clube uma saída amigável, de acordo com a apuração do UOL Esporte.

Através de sua assessoria de imprensa, Jadson mandou informar que está triste com a situação, mas também continua focado no objetivo da temporada, que é conseguir o acesso. Segundo a assessoria, ele não pensa em sair do clube, a menos que a diretoria assim decida.

A equipe de imprensa de Luis Fabiano e Geuvânio também diz que os dois pretendem, inicialmente, cumprir seus contratos e seguir com a postura de profissionalismo que eles mantêm desde o início. Ela ressalta que os dois ainda não foram comunicados oficialmente pelo clube da saída de Luxemburgo. 

Por que Luxemburgo foi demitido?

Além dos resultados ruins (o time não vencia há oito jogos), o treinador brasileiro teria sofrido boicote por parte dos chineses, de acordo com o fisiologista Cláudio Pavanelli, que ele levou à Ásia para ajudá-lo.

Pavanelli, assim como outros cinco profissionais ligados a Luxemburgo, já haviam sido demitidos, em um sinal de que a diretoria do Quanjian já não tolerava os métodos do brasileiro.

O fisiologista elogiou o trabalho e destacou o empenho do trio brasileiro, mas sentiu resistência por parte de alguns jogadores chineses.

"A gente viu que alguns atletas não se comportavam como a gente queria", afirmou ele. "Não tinham aquele comportamento de antes, de dedicação em treinamentos e jogos, coisa que dificultava o nosso trabalho. Na hora de realmente começar o campeonato, a gente teve um pouco mais de resistência para implantar nosso trabalho. O porquê, a gente realmente não sabe."

Agora, o treinador conversará com a diretoria para definir como será feita sua rescisão de contrato, que iria até o fim da temporada. No papel, ele deveria receber 10 milhões de euros por ter sido demitido, mas esse valor deve ser renegociado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos