Ataque não funciona, Espanha perde para Geórgia e passa vergonha pré-Euro

Do UOL, em São Paulo

No último jogo antes do início da Eurocopa, a Espanha perdeu pela primeira vez em 2016. Se despedindo do torcedor espanhol nesta terça-feira (7) antes de embarcar para a França, a seleção foi derrotada por 1 a 0 pela Geórgia, 137ª no ranking da Fifa, no Coliseum Afonso Pérez, em Getafe. A partida foi amplamente dominada pelos atuais campeões do continente, que não conseguiram mandar para as redes.

No Grupo D da Euro-2016, os espanhóis terão seis dias para se preparar para a estreia contra a República Tcheca na competição, marcada para a próxima segunda-feira (6), no Stadium de Tolouse. 

Gerard Julien/AFP

Quem decepcionou: referência, Aduriz é fantasma em campo

O artilheiro Aritz Aduriz deveria ser o homem-gol dessa seleção da Espanha, mas ficou desaparecido isolado no ataque de sua seleção contra os georgianos. Eleito titular por Vicente del Bosque, o veterano do Athletic Bilbao apareceu pouco para o jogo e não ameaçou a defesa adversária, muito exigida por seus colegas de time.

O jogo da Espanha: futebol envolvente e ineficaz

Vicente del Bosque mandou a campo uma equipe ofensiva em Getafe, com um total de cinco meia-atacantes ou atacantes. O domínio foi amplo no primeiro tempo, com a posse de bola batendo nos 80%, mas quem saiu na frente foi a Geórgia, que se aproveitou de um erro de Jordi Alba na saída de bola, puxou contragolpe e fez o primeiro aos 40min com Okriashvili. Contra um rival retrancado, os atuais campeões europeus recorreram no geral a chutes de longe para tentar marcar, não levando grande perigo neste processo. A arbitragem deu inacreditáveis nove minutos de acréscimos ao final da segunda etapa, porém nem isso foi suficiente para que a Espanha alterasse o resultado.

Gerard Julien/AFP

Del Bosque sofre com time sem faro de gol

O treinador da Espanha foi ousado do início ao fim do amistoso contra a Geórgia, porém viu seu time incapaz de finalizar com perigo apesar do amplo domínio contra o rival. Del Bosque terminou o jogo com seis jogadores de frente em campo, após as substituições realizadas, mas mesmo com a pressão aplicada contra o adversário, viu poucas chances claras de gol serem criadas.

FICHA TÉCNICA

Espanha 0 x 1 Geórgia
Data: 7/6/2016
Local: Coliseum Afonso Pérez, em Getafe (Espanha)
Hora: 15h45 (de Brasília)
Gols:  Okriashvili, 40' do primeiro tempo (Geórgia)

Espanha: De Gea, Juanfran (Bellerín), Sergio Ramos (San José), Piqué e Jordi Alba; Busquets (Pedro), Thiago (Koke) e Fábregas (Iniesta); Lucas Vázquez (David Silva), Adúriz e Nolito. Técnico: Vicente del Bosque

Geórgia: Revishvili (Kvaskhvadze), Lobzhanidze, Kvirkvelia, Amisulashvili, Navalovski (Kobakhidze); Aburjania (Tsiskaridze), Kashia, Jighauri, Okriashvili e Dvalishvili (Chanturia); Kazaishvili (Kvilitaia). Técnico: Vladimir Weiss

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos