Entenda como Morata foi de renegado a mais cobiçado do mercado europeu

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Instagram

    Morata tornou-se o jogador mais cobiçado da janela de transferências

    Morata tornou-se o jogador mais cobiçado da janela de transferências

O atacante Álvaro Morata é um dos alvos mais cobiçados pelos clubes europeus na atual janela de transferências europeia. Dentre as equipes que já manifestaram interesse no promissor atacante espanhol estão: Chelsea, Manchester United, Arsenal, PSG e Real Madrid.

O atleta espanhol, de apenas 23 anos, vive a melhor fase de sua carreira após um início decepcionante pelo Real Madrid. Com gols decisivos e participação importante nos títulos conquistados pela Juventus na última temporada, o atleta retomou o bom futebol demonstrado nas categorias de base do clube merengue.

Entenda os motivos que levaram o atleta a estourar apenas agora no futebol europeu:

Forte concorrência no Real Madrid

Angel Martinez/Getty Images
Morata em ação em sua primeira passagem pelo Real Madrid

Natural de Madri, o atleta chegou ao clube merengue em 2008, quando foi contratado junto ao Getafe para integrar as categorias de base. Após dois anos, foi colocado no Real Madrid Castilla, uma espécie de clube "B" utilizado para testar jovens promessas da categoria de base.

Em 2010, o atleta teria sua primeira chance de integrar o elenco principal do Real Madrid. O técnico José Mourinho convidou Morata para participar da pré-temporada que seria realizada nos Estados Unidos.

Denis Doyle/Getty Images
Adebayor é apresentado no Real Madrid

Com astros como Cristiano Ronaldo, Higuaín, Benzema, Di María e Kaká no elenco, Morata demorou a receber uma oportunidade. Apenas em dezembro de 2010 o atacante teve a chance de estrear no elenco principal. Já em 2011, quando Higuaín sofreu grave lesão, o atacante foi cotado como substituto do argentino, mas Mourinho optou por contratar Adebayor.

"Morata não está pronto para integrar a formação inicial do Real Madrid e ainda precisa terminar sua formação na Castilla", declarou o português.

Apenas na temporada 2013/14, quando o técnico Mourinho havia sido substituído por Carlo Ancelotti, que Morata passou a ter mais oportunidades. Entretanto, a alegria do espanhol durou pouco, já que foi negociado com a Juventus em julho de 2014.

Artilheiro dos gols decisivos na Juventus

AP Photo/Luca Bruno
Morata marcou gols decisivos pra Juve

Morata chegou à Juventus para ser uma das peças principais do novo ataque que vinha sendo formado pela equipe. Contratado por 20 milhões de euros, o atacante chegou ao clube de Turim para substituir importantes nomes do clube como Vucinic, Osvaldo e Quagliarella.

Ao lado de Carlitos Tevez, Morata não demorou a tornar-se uma das principais opções ofensivas do elenco, que ainda contava com nomes como Fernando Llorente e Sebastian Giovinco, este último o queridinho da torcida alvinegra.

Em sua primeira temporada pelo clube, Morata disputou 46 jogos e marcou 15 gols, uma média de 0,32 gols por partida. Apesar da média considerada baixa, especialmente se comparada com os maiores artilheiros do cenário europeu, os gols de Morata ficaram caracterizados pela importância para a equipe.

Após passar a primeira fase da Liga dos Campeões em branco, o atleta foi decisivo na reta final do torneio. Foi de Morata o gol da vitória por 2 a 1 contra o Borussia Dortmund, na partida de ida das oitavas de final. Nas quartas, sofreu o pênalti convertido por Vidal, naquele que seria o único gol das partidas contra o Monaco. Na semi, contra o Real Madrid, marcou nas duas partidas contra o ex-clube, ajudando a garantir a vaga na final contra o Barcelona. Por fim, foi o autor do gol de empate contra os catalães, mas viu sua equipe sofrer outros dois tentos e perder o título continental.

Opção para atuar em diversas funções em campo

Wildbild/AFP Photo
Morata teve atuação de destaque contra a Coreia do Sul

Em sua segunda temporada pela Juventus, Morata marcou três gols a menos do que em seu primeiro ano com a camisa alvinegra. Contudo, destacou-se pela mobilidade em atuar pelos lados do campo.

O atacante mostrou-se uma opção interessante para atuar centralizado, como atacante de referência, mas também provou que pode sair da área para buscar o jogo e, assim, abrir espaços para que os meio-campistas entrem na área adversária como elemento surpresa.

Convocado para o elenco da seleção espanhola que disputa a Eurocopa-16, o atacante teve atuação de destaque no primeiro amistoso disputado pela "Fúria" antes do torneio: anotou dois gols e ainda teve outros dois anulados pelo trio de arbitragem da partida contra a Coreia do Sul, vencida pelos espanhóis por 6 a 1.

Na seleção espanhola, o atleta tem aproveitado esta característica para ajudar seus companheiros de equipe. Escalado no comando do ataque, com Nolito e David Silva pelas pontas, o atacante abre espaço para que outros atletas entrem na área e finalizem.

Como Morata poderia se encaixar em cada equipe?

Até o momento, o Real Madrid desponta como clube mais provável para Morata. Quando o atacante foi adquirido pela Juventus, os merengues colocaram uma cláusula no contrato que permitia ao clube recomprar o atacante por um valor pré-determinado.

Gonzalo Arroyo Moreno/Getty Images
Benzema está em baixa no Real

Com o Real Madrid disposto a desembolsar este valor, Morata poderia voltar ao clube em que não teve oportunidade de mostrar seu potencial. No estelar elenco do Real, enfrentaria a concorrência de Cristiano Ronaldo, Gareth Bale e Benzema. Com o francês em baixa, o espanhol poderia ter a oportunidade ideal.

Clive Brunskill/Getty Images
Diego Costa pode deixar o Chelsea

No Chelsea, Morata poderia ter espaço para ser alçado logo à equipe titular. Com Diego Costa e Remy como opções para o técnico Conte, e Hazard e William como atletas que atuam mais pelo lado do campo, o espanhol poderia aproveitar a má fase de seu companheiro de seleção para garantir uma vaga na equipe titular como centroavante.

AP Photo/Scott Heppell
Wayne Rooney é o astro do United

Já o Manchester United tem apenas um nome intocável em seu elenco: Wayne Rooney. Ibrahimovic, que deixou o PSG, é especulado como reforço dos Red Devils, o que poderia tirar o espaço de Morata na equipe. O fato de Mourinho ter assumido a equipe nesta temporada também deve afastar o atleta do clube, já que o português foi quem concedeu poucas oportunidades a Morata no Real Madrid.

Christophe Ena/AP Photo
Saída de Ibra abriu espaço no PSG

Por fim, o PSG desponta como outra opção para o atacante espanhol. Sem Ibrahimovic, o clube busca um novo centroavante que possa fazer parceria com Di María e Cavani. Na equipe francesa, Morata poderia assumir a titularidade e brigar pelo título da Liga dos Campeões, maior desejo do presidente do clube, Nasser Al-Khelaifi. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos