Algoz do Brasil nega gol irregular e celebra vitória: "Pegou na coxa"

Do UOL, em São Paulo

  • Timothy A. Clary/AFP Photo

Herói peruano na noite deste domingo, o atacante Raúl Ruidíaz se esquivou de toda a polêmica que seu gol irregular criou no Gillete Stadium, em Foxbourough (EUA). O peruano eliminou o Brasil da Copa América Centenário com um gol de mão.

"Estou muito feliz, tive sorte. Não entendo a polêmica, se houve mão ou não. Pegou na coxa. Tentaram usar a tecnologia, então ficamos incomodados com isso", resumiu o jogador, sem entrar no mérito do lance específico do gol.

Ruidíaz teve grande estrela contra a seleção brasileira. Ele saiu do banco aos 19 do segundo tempo e 11 minutos depois anotou o único gol da partida que fechou a fase de grupos da Copa América. 

Questionado sobre o lance controverso, o técnico Ricardo Gareca preferiu não tomar partido em sua entrevista coletiva. "A verdade é que até agora não pude ver, então prefiro não opinar", declarou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos