Inter já fala em plano B para o ataque após demora no 'caso Nico López'

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • AP Photo/Andre Penner

    Nico López já tem pré-acerto com Inter, mas Udinese ainda não respondeu a oferta

    Nico López já tem pré-acerto com Inter, mas Udinese ainda não respondeu a oferta

O Internacional já tem um plano B para completar seu elenco no mercado. Cada vez mais cético quanto ao negócio envolvendo Nico López, junto à Udinese, o Colorado articula tratativas com outro nome. As características serão mantidas, mas tudo depende da resposta italiana. Para o bem ou para o mal.

É que o Inter só pretende intensificar as tratativas com seu plano B após receber uma resposta da família Pozzo. O UOL Esporte já mostrou alguns dos motivos para a demora no negócio.

"Não existe prazo, o Gino é um negociador nato. Ele vai usar bem a condição dele", disse Carlos Pellegrini, vice de futebol do Inter. "Temos outras alternativas, claro. E na medida em que não avançar, se não avançar, vamos seguir", completou.

Nico López está emprestado pela Udinese ao Nacional-URU. O contrato é dividido em duas partes, seis meses e mais um ano posterior. A segunda fase só será efetivada se não houver acordo para venda dos direitos do jogador.

Até o momento, a diretoria italiana não informou o Nacional sobre a saída de Nico López. Pelo contrário, em Montevidéu a permanência dele é vista como provável.

O Internacional aguardava uma resposta até o início de maio, mas não foi procurado. Nos próximos dias, o agente do jogador, Pablo Betancurt, deverá fazer contato com os dirigentes italianos para colher a visão deles em relação ao negócio.

Até agora, o Internacional já contratou seis jogadores para disputa do Brasileirão. Danilo Fernandes, Leandro Almeida, Anselmo, Luis Manuel Seijas, Brenner e Ariel Nahuelpan.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos