Dunga é aplaudido na volta ao RS e nega mágoa: "Acontece todo dia"

Do UOL, em Porto Alegre

5 motivos para a queda de Dunga

Horas depois de ser demitido do cargo de técnico da seleção brasileira, Dunga voltou a Porto Alegre. No desembarque, o ex-volante foi aplaudido por transeuntes no aeroporto Salgado Filho e adotou tom político. Negou mágoa com a decisão da CBF e definiu a saída como normal no meio do futebol.

"Faz parte do futebol, a gente está acostumado. Não vai mudar, não vai mudar...", disse Dunga à Rádio Bandeirantes de Porto Alegre.

De acordo com o relato da emissora, o treinador aparentava abatimento. Cercado no saguão do aeroporto, ele tirou fotos e ouviu apoio de torcedores.

"É normal, isso acontece todo dia no futebol. Talvez um pouco estranho pelo gol, totalmente fora dos padrões", comentou.

Questionado sobre o nome de Tite para o cargo, Dunga foi lacônico e mais uma vez se limitou a dar resposta curta.

"Normal... O cargo está vazio, tem que entrar alguém", afirmou. "Quem tem que falar sobre isso (capacidade de Tite para a função) é o presidente (Marco Polo Del Nero)", completou em seguida.

Durante a entrevista, Dunga foi interrompido por uma mulher. Após o discurso de apoio, o treinador ainda tirou foto com crianças e soltou a resposta mais longa.

"A minha vida pública está aí, todo mundo sabe como eu ajo. Uns gostam, outros não. Por mais da minha cara de brabo, as crianças sempre gostam de mim", declarou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos