Blogueiros: Como Tite pode recuperar a empatia do torcedor com a seleção?

Do UOL, em São Paulo

  • LUIS ACOSTA/AFP

    Tite também terá a missão de recuperar a confiança dos torcedores da seleção

    Tite também terá a missão de recuperar a confiança dos torcedores da seleção

Além de fazer o time jogar e voltar a conquistar bons resultados, outra missão de Tite na seleção brasileiro será recuperar a empatia do torcedor com o time nacional. E o que o treinador precisa fazer para que isso aconteça? Os blogueiros do UOL Esporte acreditam que a fórmula é simples: vencer os jogos. Veja as opiniões:

André Rocha

Com resultados. Quem não se lembra dessa mesma geração "fraca e mimada" sendo saudada com "O campeão voltou!" depois do título da Copa das Confederações, ou das ilusões, contra a Espanha no Maracanã? É óbvio que se conseguir isso apresentando um futebol agradável e com entrega dos jogadores a identificação com o torcedor médio no Brasil será maior.

Juca Kfouri

Ganhando e jogando bem.

Mauro Beting

O Tite da arquibancada, o Tite torcedor naquele jogo do gol do Paulinho nas quartas de final da Libertadores de 2012, o cara que vai para a galera mesmo, sobe de cabeça junto com o Paulinho, o cara que sai gritando, o cara que vira para o treinador do maior rival e diz que 'fala muito', o cara que levanta a faixa do "Favela is here", o cara que é um padre falando, mas virou mais um louco do bando. E acho que ele pode fazer isso pela seleção. Eu espero que ele faça os jogadores da seleção se divertirem e que a gente possa se divertir com o Brasil. É o melhor nome para hora e é muito legal que ele peite a CBF como ele peitou. Ele tem a coragem para falar e fazer. "Ah, não pode aceitar a CBF...". Outros aceitaram. Eu já tive chefe que está preso hoje. E aí, sou criminoso também? Posso eventualmente ter sido cúmplice, mas eu sempre vesti a camisa do trabalho, e não do emprego. E o Tite é um que faz vestir a camisa do trabalho e não emprego e vai fazer a gente se orgulhar de novo da seleção brasileira, e espero que dentro e fora de campo também.

Menon

Acho difícil o amor voltar. Não pelo Tite ou pelo Dunga. A torcida brasileira não é como a argentina ou uruguaia, de amor incondicional. O respeito voltará com vitórias.

PVC

Acho que não é ele. A CBF é que precisa usar o fato de contratar o técnico preferido pela maioria e iniciar a campanha. Quem trabalhou mais chegou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos