França para na trave contra a Suíça e perde 100%, mas avança em primeiro

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / PHILIPPE HUGUEN

Depois de ter vencido as duas primeiras partidas, a França viu o aproveitamento de 100% nesta Eurocopa cair neste domingo. Liderado por Pogba, a seleção da casa criou boas chances durante os 90 minutos e até acertou a trave três vezes, mas não conseguiu sair de um empate em 0 a 0 com a Suíça.

O primeiro tropeço não tirou os franceses do topo do Grupo A. O time avançou para as oitavas de final em primeiro lugar com sete pontos. A Suíça chegou a cinco pontos e também se classificou ao manter a segunda posição. Na outra partida da chave, a Albânia ganhou da Romênia por 1 a 0, chegou a três pontos e agora torce para seguir adiante como um dos melhores terceiros colocados. 

Pogba finalmente aparece para jogar na Euro

As duas primeiras partidas do meio-campista da Juventus na competição foram apagadas. Nesta partida contra a Suíça, a história foi diferente. Pogba buscou o jogo desde o começo, mostrando-se muito ativo na construção das jogadas ofensivas da equipe francesa. Poderia até ter saído de campo como o herói da vitória da sua equipe, mas a trave o impediu de balanças as redes duas vezes no primeiro tempo.

Placar sem gols, mas não por falta de vontade dos times

Embora o resultado tenha sido bom para as duas seleções, nenhuma das duas se mostrou muito confortável com ele. Tanto franceses quanto suíços buscaram o ataque o tempo todo quando tiveram a bola nos pés. A Suíça teve posse de bola maior, mas finalizou menos e errou poucos passes. De qualquer maneira, chegou algumas vezes com perigo na área adversária. Já a França foi bem mais objetiva. Apesar de ter só 41% da posse de bola, finalizou muito mais e assustou com as duas bolas na trave de Pogba e uma de Payet, no segundo tempo.

Lance polêmico gera reclamação suíça no fim

No último ataque da partida, Dzemaili correu para tentar finalizar uma bola levantada dentro da área e foi puxado por Sagna. Os jogadores da Suíça reclamaram de pênalti no lance.

Reprodução Twitter

Uniformes rasgados e bola furada

Mais do que pela superioridade na posse de bola e pelos passes precisos, a Suíça chamou a atenção por um outro motivo no primeiro tempo: três jogadores tiveram suas camisas rasgadas. Na segunda metade, foi a vez de a bola sofrer. Em uma dividida entre Griezmann e Behrami, ela não resistiu e apareceu furada.

Ficha técnica

SUÍÇA 0 X 0 FRANÇA
Local:
Estádio Pierre Mauroy, em Lille (França)
Data: 19 de junho de 2016 (Domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Damir Skomina (Eslovênia)
Assistentes: Jure Praprotnik (Eslovênia) e Robert Vukan (Eslovênia)
Cartões amarelos: Rami, Koscielny (França)

SUÍÇA: Sommer; Lichtsteiner, Schär, Djourou e Rodríguez; Behrami, Xhaka, Dzemaili, Shaqiri (Fernandes) e Mehmedi (Lang); Embolo (Seferovic)
Técnico: Vladimir Petkovic

FRANÇA: Lloris; Sagna, Rami, Koscielny e Evra; Cabaye, Pogba, Sissoko e Coman (Payet); Gignac e Griezmann (Matuidi)
Técnico: Didier Deschamps

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos