Com Europa de olho, Grêmio prepara torcida para superar possíveis perdas

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

O Grêmio está ciente que a pressão a partir desta segunda-feira será muito forte. A janela de transferências internacionais se abre e os clubes europeus têm alvos certos no elenco azul, branco e preto. Walace e Luan já receberam sondagens e o comando do clube sabe que a oficialização de propostas é questão de tempo. Por isso, já 'prepara' seus torcedores para se acostumar com o fato de que o time vai perder ao menos um de seus destaques. 

"Não queremos nem precisamos vender nenhum dos nossos jogadores. Mas sabemos, ouvimos falar e temos que reconhecer que grandes clubes da Europa se aproximam com a abertura da janela. É uma questão que envolve muitas partes. O jogador, a proposta que pode ser boa para o clube. Mas até agora não aconteceram", disse o presidente Romildo Bolzan Júnior. 
 
Nas palavras do mandatário a indicação de que alguém deve ser vendido. E o tom é o mesmo quando Alberto Guerra, responsável pelo futebol do clube, trata do tema. O dirigente já vê a necessidade de acompanhar possíveis reposições para eventuais perdas. 
 
"Sabemos que a janela vem forte e temos jogadores que despertam o interesse de grandes clubes. A quantidade e a necessidade de reforços pode ser moldada, também, pela saída de algum de nossos jogadores. Mas temos certeza que teremos o melhor elenco para a disputa do Brasileiro", explicou. 
 
A estratégia da direção do Grêmio é evitar que uma venda seja encarada como surpresa pelos aficionados. E uma espécie de aviso nas entrelinhas de que algum dos principais jogadores do time deve, de fato, sair. 
 
Luan é o mais assediado. Em evidente crescimento, o atacante de 21 anos foi responsável direto pela vitória por 2 a 0 diante do Cruzeiro, é goleador do time na temporada e nome certo na disputa dos Jogos Olímpicos. 
 
Mas o Grêmio não quer perdê-lo. Por isso, define que começa a conversar apenas se as ofertas superarem os R$ 100 milhões. Do montante da negociação, o clube terá direito a 70%. 
 
O segundo na lista dos possíveis vendidos tem mais chances de ser negociado. O volante Walace, de 21 anos, já foi alvo de grandes clubes de diversos países e a convocação para seleção principal só aumentou a perspectiva de negociação. Pelo marcador que é chamado de 'Pogba Brasileiro' na Europa, o valor que começa uma eventual negociação é R$ 40 milhões. 
 
Completando a lista de possíveis alvos estão: Marcelo Grohe, pretendido pelo Galatassaray, da Turquia, o atacante Everton, nos planos do Manchester City e Miller Bolaños, que já foi relacionado a clubes da Inglaterra. Contudo, estes tem menores chances de deixar o clube da Arena. 
 
Antevendo perdas, o departamento de futebol gremista já começou a vasculhar o mercado. A reportagem do UOL Esporte apurou que a posição que mais está sendo pesquisada é volante, indicativo claro da possível saída de Walace. Mas ao mesmo tempo, o goleiro Cássio, do Corinthians, foi sondado para caso se confirmem as propostas a Grohe. 
 
Em terceiro no Brasileiro, o Tricolor encara o Vitória na próxima quinta-feira. A segunda-feira será de folga geral aos atletas. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos