Bate na madeira, Elias! Onda de azar ronda volante corintiano em 2016

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Ricardo Nogueira/Folhapress

Indicado a ser protagonista do Corinthians em 2016, Elias vive uma temporada marcada por problemas dos mais diversos. Na última semana, a fé do volante corintiano foi novamente testada, agora por uma fratura na costela que o deixará de fora dos gramados por dois meses. 

A maré de azar do jogador praticamente fez com que uma saída do Parque São Jorge fosse descartada nesse momento. Existia certo consenso entre Elias e o clube de que uma transferência em 2016 fosse o melhor caminho para ambos, mas todas as possibilidades têm sido frustradas.

Com maior salário do elenco, Elias gera um alto custo ao Corinthians também pela compra exercida ao Sporting-POR. O clube ainda tem cerca de R$ 8 milhões a pagar ao clube português em parcelas em outubro de 2017 e também de 2018. Abaixo, confira mais sobre os problemas do volante neste ano. 

Só eu vou ficar?
Com a saída de seis titulares importantes do time campeão brasileiro, Elias também negociava uma ida à China. As exigências apresentadas aos emissários do Hebei China Fortune-CHN e o desejo de se manter na seleção fizeram com que o negócio não avançasse. A equipe é a atual vice-líder do Campeonato Chinês. 

Lesão provoca início de temporada conturbado
Uma fissura na fíbula da perna esquerda que demorou a ser identificada pelo Corinthians fez Elias perder os primeiros meses da temporada. O volante corintiano se irritou com médicos do clube, perdeu compromissos na seleção e só começou a jogar regularmente em abril.

Queda de Mano Menezes cancela ida para a China
Com uma negociação apalavrada com Mano Menezes para jogar no Shandong Luneng-CHN, Elias vivia expectativa de transferência, mas o negócio acabou arquivado pela demissão de Mano na China. Não há novos indícios de interesse da equipe agora dirigida pelo alemão Felix Magath. 

Cobrança na Justiça
Elias enfrenta um processo na Justiça por se recusar a fazer teste de DNA de uma mulher que afirma ter um filho dele. Há uma discussão judicial também por conta do possível valor de pensão a ser pago.  

Gol perdido e demissão de Dunga
Titular absoluto da seleção brasileira com Dunga, Elias teve a chance de 'impedir' a demissão do treinador, mas perdeu um gol embaixo da trave na eliminação pela Copa América. Após a derrota para o Peru, com gol irregular, o técnico foi demitido. O ponto positivo é que o sucessor na seleção é Tite, velho conhecido do Corinthians. 

Fratura na costela: dois meses sem jogar em momento crucial
Na quinta passada, Elias voltou ao Corinthians e após 30 minutos em campo se chocou com um adversário e fraturou a costela. A notícia de dois meses de inatividade em meio à janela de transferências praticamente põe por terra a possibilidade de uma negociação com a Europa. O volante corintiano tinha sondagens de uma equipe italiana. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos