Além de R$ 13 milhões! Os detalhes da contratação de Ábila pelo Cruzeiro

Dassler Marques, Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em São Paulo e em Belo Horizonte

  • Divulgação/Cruzeiro

    Thiago Scuro, diretor de futebol do Cruzeiro, ao lado do atacante Ramón Ábila

    Thiago Scuro, diretor de futebol do Cruzeiro, ao lado do atacante Ramón Ábila

O Cruzeiro anunciou, na noite dessa quarta-feira (22), o seu novo reforço para o setor ofensivo, o atacante Ramón Ábila, de 26 anos. Os detalhes da negociação devem ser revelados somente em sua apresentação à torcida, prevista para a próxima segunda (27). O UOL Esporte, contudo, teve acesso a informações referentes à negociação.

A primeira contratação da era Paulo Bento na Toca da Raposa II foi alinhavada pelo diretor de futebol Thiago Scuro. O dirigente foi a Buenos Aires para negociar com Alejandro Nadur, presidente do Huracán. O clube desembolsará US$ 4 milhões (R$ 13,4 milhões na cotação atual) por 50% dos direitos econômicos do jogador.

No entanto, há uma cláusula que estipula um prazo de três temporadas para a venda do atleta. Caso ele não seja negociado neste período, os mineiros têm que adquirir o restante dos direitos econômicos do centroavante. O restante dos direitos do atleta está avaliado em 3,5 milhões de dólares (R$ 11,75 milhões), conforme o contrato.

A proposta feita pelo Cruzeiro foi o suficiente para vencer a forte concorrência em torno da contratação do atacante. O Boca Juniors, da Argentina, também tentou a sua contratação recentemente. No entanto, por se tratar de uma negociação doméstica, o Huracán pediu 8 milhões de dólares (R$ 26,8 milhões) para a sua ida à Bombonera.

As cifras pedidas por El Globo assustaram a diretoria xeneize, que tentou a redução da quantia durante as tratativas. Não houve consenso até a entrada do clube de Belo Horizonte na negociação. A inserção dos mineiros foi suficiente para cessar as tratativas com os rivais argentinos.

Ramón Ábila chegou ao Huracán, em janeiro de 2014, por US$ 400 mil (R$ 1,34 milhão na cotação atual), contratado junto ao Instituto Atlético Central Córdoba, da Segunda Divisão do Campeonato Argentino. A sua venda ocorre por um valor dez vezes maior em 2016.

Na viagem de Thiago Scuro à Argentina, o Cruzeiro ofereceu US$ 3 milhões (R$ 10 milhões) por 50% dos direitos econômicos do centroavante. A oferta foi rechaçada e os argentinos pediram US$ 5 milhões (R$ 16,8 milhões). Porém, o houve um consenso e o martelo foi batido em US$ 4 milhões.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos