Sede da Associação Argentina de Futebol sofre ameaça de bomba e é evacuada

Do UOL, em São Paulo

A sede da Associação Argentina de Futebol (AFA) sofreu uma ameaça de bomba nesta segunda-feira e precisou ser evacuada, informa o site Olé. A polícia fez uma varredura na sede da entidade e não foram encontrados explosivos até o momento.

A ameaça vem em um momento de crise profunda no futebol argentino. Com a seleção derrotada na final da Copa América pelo Chile e com Lionel Messi indicando que não jogará mais pelo país, a AFA está ameaçada de punições pela Fifa por causa de uma investigação em curso na entidade.

A Fifa soltou uma resolução na última semana determinando o afastamento do atual presidente Luis Segura e promovendo provisoriamente o secretário-geral Damián Dupiellet para comandar a AFA. A medida foi reflexo da investigação do governo argentino por possível gestão fraudulenta dos recursos públicos que a associação recebia pela transmissão na TV estatal do Campeonato Argentino.

Porém, a juíza argentina María Servini de Cubría disse desconhecer o ofício da Fifa e determinou a recondução de Segura à presidência da AFA. A situação pode ser vista como intervenção do Estado no futebol, o que segundo as regras da Fifa é passível de punições que podem chegar à suspensão da seleção e times do país de competições internacionais. No momento da ameaça de bomba, uma reunião tentava contornar a situação

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos