Botafogo encaminha venda de Ribamar para time do Chipre por R$ 9 milhões

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Vitor Silva/SSPress/Botafogo

    Em fase final de negociação, Ribamar não deve mais vestir a camisa do Botafogo

    Em fase final de negociação, Ribamar não deve mais vestir a camisa do Botafogo

O Botafogo aceitou nesta sexta-feira uma proposta de 2,5 milhões de euros (aproximadamente R$ 9 milhões) por Ribamar. O time que acerta os últimos detalhes da contratação da joia de General é o Apollon, do Chipre. Apenas burocracia separa o jogador de um novo clube.

A boa notícia para o Botafogo é que o clube detém 70% dos direitos econômicos de Ribamar e ficará com aproximadamente R$ 6,3 milhões com a venda. O atacante é considerado uma das maiores joias da atualidade e recentemente renovou contrato até o fim de 2018 com multa rescisória de R$ 24 milhões.

O Alvinegro, porém, considerou a proposta recebida boa e decidiu aceitar, mesmo sendo bem inferior ao valor da multa rescisória. Vale lembrar que Ribamar perdeu espaço no Botafogo após o vice-campeonato Carioca e passou até mesmo ser questionado por alguns torcedores.

Além disso, o jovem atleta viu o Botafogo contratar Gustavo Canales, que chega ao clube com status de titular. Ribamar até iniciou o jogo contra o Atlético-MG, mas sofreu lesão na coxa. Esse detalhe, inclusive, fez com que o Apollon pedisse a realização de um exame para apontar a gravidade.

A negociação de Ribamar já está tão avançada que o Botafogo até mesmo já pensa num substituto. Júnior Dutra, que estava no Al Arabi, do Catar, é uma opção provável. O Alvinegro, porém, quer evitar problemas e aguarda um documento do jogador comprovando que ele esteja livre para acertar com novo clube.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos