Walter diz que conversa com Autuori o fez recusar proposta do Goiás

Do UOL, em São Paulo

  • CARLOS COSTA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

    Walter disse que pensou em deixar o Atlético-PR para voltar ao Goiás

    Walter disse que pensou em deixar o Atlético-PR para voltar ao Goiás

Hoje reserva do Atlético-PR, Walter por pouco não deixou o clube paranaense nos últimos dias. O atacante recebeu uma proposta para defender o ex-time Goiás, mas acabou recusando. O motivo? Uma conversa que teve com o técnico Paulo Autuori.

"Tenho o carinho da torcida do Goiás, mas estou feliz aqui. Pensei em ir sim e a possibilidade foi muito grande, mas conversei com o Autuori e ele falou que não ia me liberar, que precisa de mim e me disse que sou um líder dentro do grupo", disse o atacante em entrevista após a vitória do Atlético-PR sobre o América-MG, no último sábado.

Ex-jogador do Goiás, clube pelo qual se destacou entre 2012 e 2013, Walter justificou o que o fez pensar em aceitar a proposta da diretoria esmeraldina. "Eu queria ficar aqui, mas também queria sair para ajudar o Goiás. Eles estão precisando de mim lá", acrescentou.

Reserva nos últimos jogos, Walter falou sobre sua atual situação dentro do elenco e deu apoio ao hoje titular André Lima. "Hoje eu sou reserva. Tenho que buscar meu espaço, mas o momento é do André. Onde for escalado, do meio para frente, eu jogo, e o mais importante é ajudar o grupo", disse.

Paulo Autuori, por sua vez, negou que Walter seja reserva e deu apoio ao atacante. "O Walter entrou muito bem nos jogos, não o considero um reserva, e ele será muito importante por aquilo que irá fazer", garantiu o treinador rubro-negro.

O Atlético-PR volta a campo apenas na próxima segunda-feira, dia 11 de julho, para encarar o Cruzeiro, no Mineirão, às 20h (de Brasília), pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos