Edilson registra queixa na polícia após ameaça de torcedor do Inter

Do UOL, em Porto Alegre

  • Léo Pinheiro/Grêmio

O lateral direito Edilson registrou queixa na 4ª delegacia de Polícia de Porto Alegre. O boletim de ocorrência fala em ameaça de um torcedor do Internacional ao jogador, nas redes sociais, ainda em reflexo do Gre-Nal 410 – disputado no último domingo, no Beira-Rio.

De acordo com a Rádio Gaúcha, Edilson decidiu não entrar em representação criminal contra o torcedor rival. Se limitou apenas a registrar queixa junto à polícia.

"Informa o comunicante que foi ameaçado de ser agredido", diz trecho do boletim de ocorrência. Em outra parte, o arquivo cita o nome do torcedor e a cidade onde reside.

Edilson virou personagem no último clássico por ter comemorado com a bandeira de escanteio. Em clara resposta a Eduardo Sasha, que na final do Gauchão pegou o mesmo instrumento e dançou uma valsa em alusão aos período de 15 anos do último título nacional do Grêmio.

"Queria deixar claro que foi uma provocação sim, mas sadia. O futebol está carente de coisas que apimentem de uma forma positiva. Não de violência. Em nenhum momento desrespeitei a torcida do Inter. Talvez se eles vencessem fizessem da mesma forma. Tenho amigos que jogam no Inter, como o Paulão. Aquilo ali foi na hora, espontâneo, para apimentar a rivalidade positiva", afirmou Edilson ao Sportv.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos