Edinho, filho de Pelé, estreia com empate no comando do Água Santa

Do UOL, em São Paulo

  • Delamonica/ Futura Press/ Estadão Conteúdo

Edinho, ex-goleiro do Santos na década de 1990 e filho de Pelé, estreou como técnico do Água Santa com um empate por 1 a 1 diante do São José, na tarde deste sábado, em Diadema, pela Copa Paulista. 

Edinho exerceu a função de auxiliar técnico do Santos até abril do ano passado e agora tenta seguir a carreira de treinador. Contratado por Rivaldo para dirigir o Mogi Mirim na Série B de 2015, ele durou pouco no cargo e foi demitido da equipe do interior paulista após quatro partidas. 
 
O convite para dirigir o Água Santa surgiu há dois meses. Paulo Siqueira, presidente do clube, considera que a experiência de Edinho no Santos será importante para que o clube de Diadema desenvolva um trabalho de formação de atletas. 
 
Em novembro de 2014, Edinho foi condenado a 33 anos e quatro meses de prisão em um processo de lavagem de dinheiro. A condenação aconteceu por acusações de lavagem de dinheiro proveniente de tráfico de drogas. Os advogados contratados pelo ex-jogador apelaram da sentença. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos