Reforço 'estilo Argel' joga uma partida e perde espaço no Inter com Falcão

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Divulgação SC Internacional

    Ariel Nahuelpan perdeu espaço no Inter a partir da demissão de Argel Fucks

    Ariel Nahuelpan perdeu espaço no Inter a partir da demissão de Argel Fucks

Ariel Nahuelpan mal chegou ao Inter e já virou titular. Mas mal virou titular e já perdeu espaço. Reforço 'estilo Argel', o argentino só foi contratado porque o treinador pedia repetidamente um centroavante de ofício com capacidade de conclusão em jogada aérea. Mas após a demissão do ex-zagueiro e a troca de estilo de jogo, ele acabou deixado de lado.

Contratado junto ao Portland Timbers, dos Estados Unidos, Ariel chegou após uma temporada emprestado ao Pachuca, do México. Treinou por praticamente um mês sem condições legais de jogar e quando teve contrato publicado no BID, virou logo titular. 
 
Mas foi numa das piores partidas do Internacional na temporada. Contra o Santa Cruz, atuou praticamente 70 minutos e conseguiu apenas uma conclusão em gol. Não foi abastecido como precisava, acabou isolado no ataque em uma jornada longe do ideal. Depois do duelo, com derrota por 1 a 0, Argel foi demitido. 
 
Sem Argel, Ariel teve status ameaçado. O centroavante de ofício era necessário porque o comandante montava sua equipe apostando em cruzamentos. A principal jogada de saída de bola era o lançamento longo para que ele ganhasse a disputa aérea. E isso irá mudar. 
 
Em seus primeiros treinamentos, Paulo Roberto Falcão - contratado na última quarta-feira - propôs toques curtos, jogadas de aproximação e riscou da escalação a figura do centroavante. O Inter passa a ter em Vitinho o homem mais próximo do gol adversário, municiado por Eduardo Sasha, Andrigo e Gustavo Ferrareis. A sequência de cruzamentos teve fim e Ariel sobrou. 
 
E a rejeição a jogadores de características de área é tamanha que até mesmo o suplente de Ariel foi liberado. A pedido do próprio Argel, Maurides foi para o Figueirense. 
 
Tanto que no treinamento de sexta-feira, o argentino esteve apenas entre os reservas. E ainda deu lugar a Bruno Baio nos momentos finais da atividade. O vínculo do jogador de 29 anos com o Internacional vai até julho do ano que vem e a busca, agora, será por retomar o espaço que durou tão pouco em suas mãos. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos