Victor Ramos continua no Vitória e já joga no sábado, diz empresário

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

  • Reinaldo Canato/UOL

    Victor Ramos teve seu carro cercado por torcedores após sair do Barradão

    Victor Ramos teve seu carro cercado por torcedores após sair do Barradão

Tudo resolvido entre Vitória e Victor Ramos. Ao menos é o que garante o empresário do jogador, André Cury, que esteve reunido com o clube nesta quarta-feira para tratar do caso ocorrido no último domingo, quando o zagueiro foi cercado por torcedores após deixar o Barradão – após a derrota por 3 a 2 para o Santos – e teve seu carro apedrejado.

Liberado na segunda-feira para 'resolver problemas particulares', Victor Ramos sequer chegou a treinar nesta semana. Compareceu normalmente à Toca do Leão, mas só fez exercícios na academia e não participou inclusive do coletivo realizado nesta quarta-feira. Segundo o empresário do jogador, porque ele 'estava se recuperando do baque'.

Porém, ainda de acordo com André Cury, clube e jogador se entenderam e Victor Ramos inclusive atuará normalmente no jogo do próximo sábado, contra o Figueirense, no Orlando Scarpelli, às 18h30, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"A reunião já aconteceu e está tudo certo. Ele vai jogar no fim de semana. Chance nenhuma de ele deixar o Vitória", garantiu o empresário em entrevista ao UOL Esporte.

Nesta quinta-feira pela manhã, o elenco do Vitória finalizará a preparação em Salvador e, no início da tarde, segue para Florianópolis.

Entenda o caso

No último domingo, após deixar o Barradão de carro, com sua família, Victor Ramos foi cercado por torcedores em uma praça localizada em frente ao estádio e acabou agredido. Teve inclusive seu veículo apedrejado e foi até ameaçado de morte por aficionados rubro-negros.

Logo depois, acompanhado até do presidente do Vitória, Raimundo Viana, que fez o papel de advogado do jogador, Victor Ramos foi até a delegacia registrar um boletim de ocorrência.

Através do vice-presidente Manoel Matos, o Vitória prometeu dar mais proteção não só a Victor Ramos, mas a todo elenco, funcionários e comissão técnica.

Já Victor Ramos, através de sua assessoria de imprensa, lamentou o ocorrido e chegou até a deixar no ar uma possível saída do clube, que acabou não ocorrendo.

"Vamos sentar e conversar para ver o que será melhor para todos. Não posso aceitar o que aconteceu", disse o jogador na última segunda-feira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos