Argentina vai insistir em Sampaoli e quer reduzir multa, diz jornal

Do UOL, em São Paulo

A Associação Argentina de Futebol (AFA) direcionará suas atenções para a contratação do técnico Jorge Sampaoli. O problema é que a entidade tem dívidas milionárias e não tem como arcar com a multa indenizatória para tirar o técnico do Sevilla. Segundo o jornal Olé, um dirigente da AFA, Armando Pérez, tentará negociar com o clube espanhol.

A multa de Sevilla com Sampaoli é de US$ 10 milhões (R$ 32 milhões). A AFA tem como estratégia convencer Sampaoli a negociar diretamente com o Sevilla. O treinador já manifestou intenção de comandar a seleção de seu país.

A entrada de um patrocinador que banque a multa também é levantada pela AFA.

"A situação em que a AFA se encontra é impossível [de se bancar a multa rescisória], mas vamos conversar...É uma alternativa. É um homem que está disposto e que interessa à seleção", disse Pérez ao Olé.

Jorge Sampaoli deseja assumir o comando da seleção da Argentina, mas o Sevilla não está disposto a ceder o treinador. É o que diz seu advogado, Fernando Baredes.

"Sampaoli tem muita vontade de dirigir a Argentina, mas o Sevilla não deixa, não quer compartilhar seu técnico", disse Baredes ao TyC Sports nesta quarta-feira (27).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos