Higuaín chega à Juventus, elogia Del Piero e detona presidente do Napoli

Do UOL, em São Paulo

  • Juventus FC/Divulgação

    Higuaín foi apresentado oficialmente como jogador da Juventus

    Higuaín foi apresentado oficialmente como jogador da Juventus

Contratado por 90 milhões de euros (cerca de R$ 324 milhões), o atacante Gonzalo Higuaín foi oficialmente apresentado como jogador da Juventus nesta quinta-feira (28). E não poupou críticas ao presidente de seu ex-time, o Napoli, culpando o mandatário Aurelio De Laurentiis por sua saída do clube.

"Quando acabei meus três anos ali, senti que havia chegado o momento de uma mudança de ares, por motivos sérios que aconteceram antes. Agradeço aos torcedores e aos meus companheiros, mas a ele [De Laurentiis], não. Não posso falar nada mais", disse Higuaín.

"Eu já não tinha uma relação com De Laurentiis. Mais claro que isso, impossível. Ele não se portou bem comigo e eu não tive mais relação. Não queria ficar nem mais um minuto com ele", completou.

O presidente do Napoli chegou a chamar Higuaín de "traidor" por ir para a Juventus e acusou o argentino de falta de comprometimento. O atacante, porém, não quis responder aos comentários do dirigente.

"Só posso dizer que a maneira de pensar dele não era a minha. Se tomei essa decisão [mudar de time], foi também porque ele me forçou a fazer isso", disse o camisa 9.

Se não houve elogios para De Laurentiis, pelo menos Higuaín exaltou Alessandro Del Piero, ex-atacante e ídolo da Juventus nos anos 90 e 2000. "Quando eu jogava no Real Madrid, um de meus jogadores favoritos era Del Piero. Era uma grande inspiração", concluiu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos