Fluminense antecipa Mercado da Bola de 2017 e já tem 2º reforço encaminhado

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • REUTERS/Guillermo Granja

    Após Sornoza, Orejuela, também do Del Valle, deve fechar com o Fluminense para 2017

    Após Sornoza, Orejuela, também do Del Valle, deve fechar com o Fluminense para 2017

Em meio a uma temporada irregular, o Fluminense não perde tempo para iniciar o planejamento para 2017. Após fechar com Júnior Sornoza, a diretoria segue de olho nos bons jogadores do Del Valle, vice-campeão da Libertadores. A bola da vez é Jefferson Orejuela, que tem situação bem encaminhada para defender o Tricolor na próxima temporada.

O objetivo do Fluminense é trazer o volante nos mesmos moldes de Sornoza: contrato até dezembro de 2019, válido a partir de janeiro. A expectativa é que tudo seja acertado na próxima semana e garantir oficialmente mais um reforço para a próxima temporada.

Esse tipo de planejamento, porém, tem gerado certa polêmica nos bastidores. Isso porque haverá uma eleição presidencial em novembro e não se sabe que estará no poder a partir de 2017. A contratação de Sornoza e, provavelmente, a de Orejuela não são unanimidades entre todas as correntes políticas.

Por outro lado, o técnico Levir Culpi não entrou no mérito da política e aprovou o planejamento a longo prazo. O treinador foi além e lembrou a dificuldade que os times brasileiros têm para contratar e a chegada desses dois reforços deixa o Tricolor na frente dos demais.

"Nós temos uma equipe de observadores, que são muito inteligentes. Estão acompanhando o mercado. Na escassez de contratações, vira uma dificuldade trazer bons jogadores. Então precisa fazer um tipo de planejamento assim, já para o futuro. Poderia ter chegado antes, mas como passaram [Del Valle] para a final, não teve como vir. Considerando a dificuldade que é contratar bons jogadores, acho ótimo. Jogador tem qualidade, inegável. Mas ele é uma aposta. Tudo vai depender de tudo. Vai depender se vai se dar bem no Rio, se gostou do clima do clube, se vai se machucar", ponderou Levir Culpi.

O treinador do Fluminense lembrou que isso pode evitar que o Fluminense tenha que se desdobrar no meio da temporada para se reforçar, como ocorreu na atual. Para Levir, o ideal é iniciar a temporada com elenco pronto.

"Sinceramente acho que está errado. Não é que está errado, mas incomoda. Você não consegue contratar na hora que precisa. Um cara chega cansado, outro ainda precisa fazer uma pré-temporada e a gente já está com seis meses de bola rolando. Da para pensar algo realmente melhor para como as janelas funcionam", finalizou o técnico do Flu.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos