Ex-meia do Real é chamado de "petulante" em estreia como técnico do juvenil

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO Pierre-Philippe MARCOU

    Guti virou ídolo no Real Madrid após atuar por 16 anos com a camisa merengue

    Guti virou ídolo no Real Madrid após atuar por 16 anos com a camisa merengue

O que era para ser um amistoso entre equipes juvenis se tornou polêmica na Espanha. Ex-jogador do Real Madrid, Guti estreou como técnico do Juvenil A do clube e não foi muito respeitoso com o árbitro da partida, que desabafou nas redes sociais.


"Uma partida amistosa arbitrada com Guti como treinador já basta para saber que sua petulância lhe fará dirigir (o time) várias vezes do alambrado", escreveu o árbitro Sergio Maroto, prevendo muitas expulsões na carreira do agora técnico Guti.


O ex-meia já atuava como treinador no Juvenil B, uma divisão abaixo na hierarquia das categorias de base do Real Madrid. O clube tem apostado em formar treinadores em casa e pensa em usar seus ex-atletas, não à toa o treinador dos profissionais é Zinedine Zidane.


Guti estreou como técnico do Juvenil A no empate em 1 a 1 com o CD Móstoles, clube da terceira divisão do Campeonato Espanhol. Entre a base e o profissional, ele vestiu a camisa merengue por 16 temporadas, entre 1994 e 2010, tornando-se ídolo do clube.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos