Rescisão de Ceará com Coritiba sai no BID; lateral fará tratamento no Inter

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Divulgação/Coritiba

    Lateral direito iniciará tratamento de lesão na coxa nas dependências do Inter

    Lateral direito iniciará tratamento de lesão na coxa nas dependências do Inter

Ceará está legalmente sem clube. Nesta quarta-feira (3), a rescisão do lateral direito com o Coritiba foi publicada no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF. Com futuro indefinido, após apresentar lesão e ver a transferência para o Inter cair, o jogador seguirá em Porto Alegre para iniciar tratamento fisioterápico.

Com lesão no músculo adutor da coxa, Ceará deve ficar pelo menos até sexta-feira na capital gaúcha. O período também servirá para jogador, Inter e Coritiba avançarem em acordo para desistência da transferência.

O Inter desistiu do negócio após diagnosticar a lesão no exame médico, realizado na terça-feira à tarde. De acordo com o clube gaúcho, o problema muscular demanda mais de duas semanas de recuperação. O período parado afeta os planos do Colorado, que queria contar com o jogador imediatamente – para suprir a ausência de William.

O Coritiba afirmou, em nota oficial, que não pretende aceitar o retorno do jogador. De acordo com o time paranaense, o atleta foi liberado para se transferir e a rescisão foi concedida – ato confirmado pelo sistema da CBF. O Inter assegura que não terá ônus, por conta do exame apontar lesão e impedir acordo dentro dos termos desejados.

Ceará e seu estafe decidiram não se manifestar, até segunda ordem, sobre o caso. Aos 36 anos, o lateral direito tinha contrato válido até dezembro com o Coritiba. O Inter propôs vínculo de um ano.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos