Cristiano Ronaldo manda indireta a Mourinho após ser criticado

Do UOL, em São Paulo

O atacante Cristiano Ronaldo deu indireta a José Mourinho após o treinador criticar o comportamento do craque na final da Eurocopa. Na sexta-feira, o técnico declarou que CR7 "não contribuiu em nada" quando deu instruções ao time fora de campo na final contra a França.

Em mensagem postada nas redes sociais, Cristiano valorizou o trabalho coletivo de Portugal no torneio, e estampou foto dos atletas portugueses abraçados com a mensagem: "uma lembrança rápida".

Em entrevista ao canal português "Sport TV", o técnico do Manchester United apresentou ressalvas sobre o papel de Ronaldo na final disputada contra a França, na qual o atacante permaneceu quase todo o tempo no banco de reservas por causa de uma lesão.

A crítica principal foi direcionada à atitude do jogador nos minutos finais do duelo, nos quais Cristiano ficou em pé na área técnica dando instruções a seus companheiros.

"Ele perdeu um pouco o controle emocional. Não fez nenhum mal, mas acho que também não acrescentou nada", disse o treinador, que trabalhou com Cristiano Ronaldo no Real Madrid entre 2010 e 2013, período no qual ocorreram muitos atritos entre os dois.

"De fora, acho que a contribuição dele naqueles últimos minutos foi nula. Quem jogou foram os onze que estavam lá dentro. E quem guiou a equipe foi o treinador", acrescentou Mourinho.

No entanto, o próprio Fernando Santos, técnico de Portugal, comentou a polêmica e defendeu Ronaldo em julho, pouco depois do título.

"Como tinha muitas ordens para dar, recorri a ele, como também recorri aos meus auxiliares, para dizer a (Ricardo) Quaresma para fechar o espaço deixado por Raphael Guerreiro", explicou o treinador, que disse nunca ter sentido sua autoridade na função "diminuída" pelo jogador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos