Inter de Milão anuncia saída de Mancini e deve ter holandês como técnico

Do UOL, em São Paulo

  • AP Photo/Salvatore Laporta

A Inter de Milão oficializou nesta segunda-feira a saída do técnico Roberto Mancini do comando técnico da equipe. Para o seu lugar, o clube tem como nome preferido Frank de Boer, ex-jogador holandês.

Segundo o comunicado oficial, Inter de Milão e Roberto Mancini entraram em acordo mútuo para a rescisão do contrato após 20 meses de trabalho. O treinador assumiu o clube pela segunda vez em novembro de 2014 e não conseguiu títulos neste período. Na primeira passagem, de 2004 a 2008, ele colocou a equipe entre as melhores da Europa e conquistou três edições do Campeonato Italiano.

"A Inter de Milão confirma que se despediu do treinador Roberto Mancini por mútuo acordo. A Inter gostaria de registrar seus agradecimentos a Roberto pelo trabalho realizado com a equipe desde novembro de 2014", diz o comunicado.

"Na última temporada, o clube liderou a Série A até a parada de fim de ano, terminando em quarto e garantindo vaga para a Liga Europa. Agradecemos Roberto pelo trabalho e empenho que demonstrou nos últimos 20 meses", completa o texto.

Segundo a imprensa italiana, Frank de Boer deve assumir o comando do time. O ex-jogador da seleção holandesa treinou o Ajax na última temporada. 

A Inter não conquista título relevante desde 2011. Em 2013, o time passou a ser gerido pelo magnata indonésio Erick Thohir. A expectativa era que o clube voltaria ao topo do futebol mundial. Mas a entrada do bilionário não surtiu o efeito esperado. Nos últimos anos, a Inter viu a Juventus ter o domínio do futebol italiano.  

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos