Vasco se mobiliza para ter campeão olímpico contra o Santos na Copa BR

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Paulo Fernandes / Site oficial do Vasco

    Luan, de cabelo descolorido, morde sua medalha de ouro da Rio 2016

    Luan, de cabelo descolorido, morde sua medalha de ouro da Rio 2016

Medalha de ouro na Rio 2016, o zagueiro Luan é dúvida para a importante partida desta quarta-feira (24), contra o Santos, na Vila Belmiro, pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

O jogador acusou dores no joelho esquerdo ainda durante os Jogos, antes da final contra a Alemanha, mas exames não detectaram nenhum tipo de lesão. No retorno ao Vasco nesta segunda-feira, porém, ele demonstrava incômodo.

"Quero muito jogar contra o Santos. Treinei muito lá na Seleção Brasileira. Senti umas dores semana passada, os exames não apontaram nada, mas voltei a sentir uns incômodos agora. Nesta segunda-feira fiz trabalhos na academia do Caprres. Vamos ver como estarei até quarta-feira. Está incomodando um pouco a dor ainda, mas farei de tudo para estar em campo na partida", declarou o jogador com a medalha no peito e o cabelo descolorido, assim como fizeram os demais atletas da seleção.

Durante o período olímpico, Luan conviveu com três dos seus adversários de quarta: o atacante Gabigol, o lateral Zeca e o meia Thiago Maia. O defensor demonstrou simpatia pelo trio e revelou que já houve provocações.

"Eu ainda não conhecia o Gabigol, o Thiago e o Zeca. São moleques do bem, muito dedicados. Já nos provocamos um pouquinho por causa do jogo", disse.

Luan foi reserva de Marquinhos e Rodrigo Caio na campanha do ouro inédito. Ele entrou no segundo tempo de duas partidas da competição: Dinamarca e Honduras.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos