Barcelona desiste de Luan e quer atacante do Valencia 'ou nada'

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Luan voltou da seleção brasileira olímpica e, ao que tudo indica, ficará no Grêmio

    Luan voltou da seleção brasileira olímpica e, ao que tudo indica, ficará no Grêmio

O secretário técnico do Barcelona, Robert Fernández, concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira (26) para esclarecer os movimentos do clube no mercado de transferências, que se fecha ao fim do mês. Segundo ele, o único alvo que resta é Paco Alcácer, atacante de 22 anos do Valencia. Sendo assim, Luan, do Grêmio, está fora dos planos. 

"Sempre sou otimista, trabalho para chegar ao objetivo. Às vezes as operações não são rápidas, primeiro porque não é fácil jogar no Barcelona, há muitas cláusulas, segundo que é difícil melhorar um time tão forte. Mas sou otimista e esgotaremos as possibilidades de mercado", disse o dirigente em entrevista coletiva. "Resta apenas este jogador pretendido. Ele (Paco) nos interessa muito", confirmou quando perguntado sobre Alcácer.  
 
O agente de Luan, Jair Peixoto, manteve contato com o mesmo Robert Fernández há mais de um mês. O dirigente esteve no Brasil concluindo a observação do clube sobre Luan, do Grêmio. Uma proposta seria feita em 20 dias, mas jamais foi oficializada. 
 
O jornal catalão Sport noticiou, então, que a meta dos espanhóis era ter Luan como reserva imediato para o trio de ataque formado por Neymar, Suárez e Messi. Com o rendimento do gremista nos Jogos Olímpicos, as notícias sobre a ida para o Barça só cresceram. 
 
Porém o Grêmio garante jamais ter recebido proposta oficial. A conduta do agente do atleta desagradou a direção, que repetiu mais de uma vez que Luan 'não estava à venda'. Ainda determinou que para liberar o jogador, queria ao menos 30 milhões de euros (R$ 109 milhões) e só aceitaria a saída no fim do ano. 
 
A palavra oficial do Barça, confirmada nesta quarta, é que o interesse não se confirmou. O clube mira Paco Alcácer, apenas. "É ele ou nada", determinou Fernández. 
 

Sem pressão para saída

De volta depois dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, Luan se mostrou alheio a qualquer negociação. "Não dou bola para isso, procuro não saber", disse sobre o interesse dos Europeus. "Nunca falei sobre o Barcelona com ele (Neymar). Ficamos muito próximos, mas falamos de outras coisas", completou o gremista sobre a parceria firmada durante a Olimpíada. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos