Casemiro diz que momento da seleção não é bom e rechaça espetáculo em jogos

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Quito (Equador)

  • Pedro Martins/MoWA Press

    Titular do Real Madrid e da seleção, Casemiro falou com jornalistas nesta terça

    Titular do Real Madrid e da seleção, Casemiro falou com jornalistas nesta terça

O momento da seleção brasileira nas Eliminatórias não é bom. E os jogadores não têm qualquer problema em admitir isso. Mesmo com a expectativa pela estreia do técnico Tite, os atletas sabem que precisam dar uma resposta em campo após conquistar apenas nove pontos em seis rodadas.

"Precisamos ter cuidado com o Equador [jogo da próxima quinta] e com qualquer outro adversário, com certeza. Especialmente quando o outro time está em casa. Nosso momento não está sendo bom, mas estamos trabalhando para dar a volta por cima. Não tem time bobo no continente. Todo jogo é difícil", comentou o meia Casemiro, durante entrevista coletiva após o treino desta terça (30), no estádio Casablanca, em Quito.

O jogador do Real Madrid ainda deu mais mostras de como a pressão por uma vitória para se recuperar no torneio preocupa o time.

"Precisamos temos que pensar em três pontos. O momento pede isso. O momento é para ganhar, e não dar espetáculo. Só podemos pensar nisso e na torcida depois", completou Casemiro.

Após o duelo diante do líder da competição nesta quinta, o Brasil volta a campo na próxima terça-feira (6), em Manaus. E novamente uma pedreira pelo caminho: a Colômbia, que tem dez pontos e está na frente da equipe de Tite nas Eliminatórias.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos