Preocupado com o clássico, Pep? "Ainda não vi o Manchester United jogar"

Do UOL, em São Paulo

  • Stu Forster/Getty Images

    Pep Guardiola demonstrou tranquilidade para o clássico inglês

    Pep Guardiola demonstrou tranquilidade para o clássico inglês

O técnico Pep Guardiola não está querendo se preocupar com problemas antes da hora. Após a vitória por 3 a 1 sobre o West Ham, o treinador adotou um tom evasivo ao ser questionado sobre uma possível punição a Kun Aguero, flagrado por câmeras de televisão desferindo uma cotovelada em um rival.

Na ocasião, Pep alegou "ser novo" na Premier League e disse "não saber como as coisas funcionavam" na nova liga, mas que aceitaria uma punição caso fosse constatada a agressão. Se a Federação optar por suspender o argentino, ele perderá o clássico contra o Manchester United.

E, assim como a possível punição, o clássico contra o maior rival, que atualmente é comandado por José Mourinho, também não está tirando o sono do treinador espanhol. Em entrevista, o técnico disse que sequer havia visto a equipe, que está empatada em pontuação com o City, em ação nesta temporada.

"Eu ainda não vi o Manchester United jogar, mas agora terei 10 dias para ver vídeos de suas partidas. Não tive tempo de ver outras equipes (que o City enfrentará). Poderei ver as partidas do Borussia Monchengladbach e do resto dos adversários", salientou Pep.

Mesmo sem ter se preocupado com antecedência, Pep ressaltou que o Manchester City precisará fazer uma apresentação em alto nível para conseguir sair vitorioso na partida contra o Manchester United, que emplacou três vitórias em três jogos.

"Sabemos que teremos que fazer uma exibição fantástica para ganhar em Old Trafford (estádio do rival). Posso imaginar a atmosfera e estou ansioso para viver esta experiência", concluiu Pep.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos