Bravo desabafa após críticas por pedir dispensa de seleção chilena

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / FABRICE COFFRINI

Recém-contratado pelo Manchester City para ser o titular de Guardiola no gol, o chileno Claudio Bravo pediu, por motivos familiares, para não participar dos dois compromissos da seleção de seu país nas Eliminatórias nesta data Fifa. Rumores na imprensa local irritaram o jogador, que foi ao Twitter nesta quinta-feira (1) criticar quem soltou os boatos.

"Que jeito de destruir com base calúnias e falsidades. Cada dia nossa sociedade está mais doente. Os que mais falam são os que menos entregaram ao país. Só servem para criticar e destruir. Não deixem que façam do Chile uma m...", desabafou o goleiro ex-Barcelona.

"Que pena para alguns que a história já esteja escrita. E vocês, que falam tanto, o que entregaram para o país?", questionou Bravo, compartilhando fotos das conquistas da Copa América 2015 e da Copa América Centenário pelo Chile, únicos títulos do futebol do país.

Sem o camisa 1, o Chile de Juan Antonio Pizzi terá pela frente o Paraguai, fora de casa, às 21h (de Brasília) desta quinta-feira, além da Bolívia na próxima terça-feira (6), às 21h30, em casa. Os atuais campeões do continente estão em quarto nas Eliminatórias Sul-Americanas, com dez pontos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos