Sem rancor. Brasileiro que trocou United pelo Granada agradece a Mourinho

Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Andreas Pereira vai defender o Granada na temporada 2016/17

    Andreas Pereira vai defender o Granada na temporada 2016/17

Andreas Pereira ficou de fora da seleção que conquistou a medalha de ouro inédita no futebol dos Jogos Olímpicos de 2016 por um motivo claro: não jogava em seu clube. Por isso, o meia de 20 anos, nascido na Bélgica e ainda desconhecido de grande parte do público brasileiro, é grato a José Mourinho, o treinador que o mandou por empréstimo do Manchester United para o Granada. Ele sabe que, em sua idade, o importante é estar em campo.

"Não adianta ficar no Manchester e jogar só 10 jogos", disse Andreas em entrevista ao UOL Esporte. "Mourinho conversou comigo, disse que confia muito nas minhas qualidades, que queria que eu saísse para ganhar experiência, para voltar, que estou nos planos dele. Ele foi muito honesto e gostei muito disso. Vai ser melhor para mim".

A escolha pelo Granada, time que ficou na 16ª colocação do Campeonato Espanhol na última temporada, partiu inclusive do próprio Mourinho. O treinador português queria inicialmente que Andreas fosse emprestado a um clube inglês; como o negócio não aconteceu, ele optou pelo futebol espanhol, que representa um desafio totalmente diferente em termos de estilo de jogo.

"Eu já tenho a experiência da Inglaterra, que é um jogo muito físico. Tenho agora que pegar a experiência daqui, jogar toda semana, estar envolvido e ser um jogador importante. Quanto mais experiência eu tiver, misturando com o que já trouxe da Inglaterra, melhor vai ser", disse Andreas, que é só elogios a Mourinho.

"Como treinador, acho ele um fenômeno, muito bom. É um trabalho muito sério, prático. E como pessoa também, ele é gente boa. Muita gente fala que é mala, marrento, mas nada disso é verdade. Claro, ele sabe das qualidades que tem como técnico, sabe que é um dos melhores, se não o melhor do mundo... Mas é ótima pessoa".

Dor por ficar fora da Rio-2016

Itawi Albuquerque/CBF
Andreas fazia parte do grupo de Micale, mas ficou fora da lista final

Filho de Marcos Pereira, um ex-jogador brasileiro que fez carreira no futebol belga, Andreas é fluente em quatro idiomas (francês, holandês, inglês e português) e está tendo poucas dificuldades para aperfeiçoar seu espanhol. Mas apesar dessa "mistura", ele não tem dúvidas de que fez a escolha certa ao optar por defender o Brasil, após passagens de sucesso pelas seleções de base da Bélgica.

"Sempre vou ser brasileiro de coração. Nunca pensei em trocar, nunca vou pensar em trocar, não estou com dúvida nenhuma. Hoje o objetivo é trabalhar forte aqui [no Granada], depois voltar para o Manchester, e aí voltar para a seleção", projetou.

A decepção de ficar fora da Rio-2016 foi grande, como o próprio Andreas admite. Destaque do Mundial Sub-20 de 2015, em que o Brasil perdeu para a Sérvia na final, o meia havia sido convocado anteriormente por Rogério Micale para amistosos do time olímpico. Mas quando a lista final de 18 nomes saiu, a falta de minutos em campo pesou negativamente na escolha do técnico.

"Na hora doeu, fiquei triste, mas acho que tudo na vida acontece por um motivo. Se não foi para mim dessa vez, é porque Deus está reservando outras coisas. Já passou, torci muito e fiquei muito feliz pelos jogadores, mandei mensagem para todo mundo. Torci até o último pênalti, foi muito emocionante ver meus amigos ganharem a Olimpíada pela primeira vez. Fiquei orgulhoso de ter feito parte desse grupo", disse.

E se não ficaram mágoas sobre a seleção brasileira, pelo menos uma leve alfinetada sobrou para Louis van Gaal. Andreas evitou criticar diretamente o técnico holandês, que dirigiu o Manchester United na temporada passada e quase não o utilizou. Mas disse que ele é "muito diferente" do elogiado Mourinho.

"Ele era diferente do Mourinho, muito diferente. A filosofia do Van Gaal era outra. Não é porque eu não ganhei muitas chances que eu vou falar que ele é mau treinador. Ele não me usou bastante, mas é bom treinador. Não me usou, azar o dele", afirmou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos