Roberto de Andrade nega erro de planejamento no Corinthians: falta respeito

Do UOL, em São Paulo

  • Davi Ribeiro/Folhapress

O presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, criticou que o clube tenha sofrido com a falta de planejamento e por isso teve uma queda técnica nos últimos jogos após a saída de jogadores do elenco. O dirigente disse que é falta de respeito falar de jogadores que mantém o clube entre os primeiros colocados do Campeonato Brasileiro. 

"Discordo, porque em dezembro, quando saíam alguns jogadores, a gente se planejou, repusemos todas as peças. Nessas janelas de julho e agosto foram pontuais. Tanto é que o Elias se deu às 18h do dia 30", disse em entrevista ao programa Seleção Sportv.

"Apesar de todos acharem que o Corinthians teve uma queda técnica, estamos em quarto no campeonato. Podemos estar na primeira, segunda colocação. Está todo mundo trabalhando bastante. Acho uma falta de respeito falar com os atletas que estão lá. A gente não pode esquecer que o Cristóvão está trabalhando bastante, mas a saída de jogadores titulares do time dele atrapalha", comentou.

Nas últimas semanas, o Corinthians sofreu com as saídas de Bruno Henrique, Elias, André e Luciano. Além deles, Alexandre Pato, que estava com o elenco após voltar do Chelsea, também foi negociado com o Villarreal.  

O presidente ainda ressaltou que os jogadores deixaram o Corinthians por serem muito bons. "Todos os jogadores sem exceção, vão falar que foi vontade própria. Cada um tem uma situação, procura o que é melhor para si. É a coisa mais normal do mundo. O Corinthians era um clube que tinha a maior quantidade de atletas de alto nível. Isso faz com que chame atenção de outros clubes. Ninguém vem buscar jogador de nível inferior.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos