Leandro Damião contraria pessimismo e se destaca em início no Flamengo

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Gilvan de Souza / Site oficial do Flamengo

    Damião recebe homenagem por ter feito o gol 12 mil da história do Flamengo

    Damião recebe homenagem por ter feito o gol 12 mil da história do Flamengo

Foi uma contratação cercada de pessimismo. Em baixa após passagem sem gols pelo Bétis-ESP, Leandro Damião chegou ao Flamengo sem a mesma badalação que teve na carreira em outros tempos. Porém, bancado pela diretoria, o atacante vem contrariando os prognósticos negativos com um bom início com a camisa rubro-negra.

Até aqui, foram quatro partidas, sendo duas como titular. O centroavante marcou dois gols e teve boas participações, demonstrando bom entendimento com Guerrero e Diego.

O peruano, aliás, é um caso à parte. Afinal de contas, inicialmente Damião seria uma espécie de sombra e substituto imediato do camisa 9. No entanto, o entrosamento inicial já tem mudado esta perspectiva. Guerrero, por exemplo, apoia a parceria.

"Uma referência na frente como é o Damião me ajuda a me movimentar e ficar mais livre. Por isso me sinto mais à vontade", disse à Rádio Globo após a vitória sobre a Chapecoense, quando atuaram juntos no segundo tempo.

Técnico da equipe, Zé Ricardo revela que já tem estudado e treinado tal formação, mas demonstra cautela para que ela seja empregada definitivamente.

"Nós já vínhamos imaginando uma formação com Paolo e Damião juntos. Quanto mais qualidade no campo, mais possibilidades você tem de vencer. Mas é uma estruturação de jogo diferente. Antes de tudo é preciso condicionar movimentos e posicionamento dos atletas. Mudar uma estrutura de jogo de um dia para o outro não é muito fácil, pelo menos eu penso assim. Primeiro estamos trabalhando como situação de jogo e depois, quem sabe, com uma sequência de treinos e jogos dando mais confiança, até podermos estabelecer isso para uma partida inteira. Mas a princípio estamos usando como uma alternativa, e deu certo. Pode ser que um dia não dê, declarou.

Na última quarta-feira, na vitória por 3 a 1 sobre o Figueirense que garantiu a classificação às oitavas de final da Copa Sul-Americana, Leandro Damião foi titular em substituição a Guerrero, que está servindo a seleção peruana nas Eliminatórias da Copa do Mundo.

Nesta sexta, Damião recebeu uma homenagem da diretoria por ter feito o gol 12 mil da história do Flamengo. Ele ganhou uma camisa personalizada das mãos do presidente Eduardo Bandeira de Mello e do ex-lateral e campeão do mundo pelo clube Leandro (foto acima).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos