Perdoado no Santos, atacante polêmico será inscrito em competição

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/SantosFC

    Diogo Vitor completa três semanas de treino sem sumir na equipe sub 23 do Santos

    Diogo Vitor completa três semanas de treino sem sumir na equipe sub 23 do Santos

O atacante Diogo Vitor, conhecido pelos sumiços e polêmicas no Santos, completa a terceira semana de treinos sem causar problemas na Vila Belmiro. O UOL Esporte apurou que a revelação santista treina forte, se destaca nas atividades e, caso não apronte novamente, será inscrito na Copa Paulista para defender o time sub-23, comandado pelo técnico Kleiton Lima.

A equipe santista está classificada para a segunda fase da competição, onde terá direito a realizar quatro trocas em relação à lista inicial, de 21 jogadores relacionados. Diogo Vitor é forte candidato a ganhar uma oportunidade na próxima fase.

No entanto, dirigentes e profissionais do Santos não escondem o temor em relação aos sumiços. Eles alegam que o atacante se dedica muito nas atividades e nunca deu o famoso "migué", termo utilizado no futebol para os atletas que não se esforçam nos treinos. Em contrapartida, todos admitem o receio de que ele possa sumir novamente a qualquer momento.

Somente no período com o sub-23 foram dois sumiços, com direito a punição salarial e suspensões. Em uma delas, Diogo Vitor alegou conjuntivite, mas não se apresentou ao departamento médico. Na equipe principal, ele sumiu uma vez e foi dispensado por Dorival Júnior. Antes disso, ele já colecionava problemas nas categorias de base.

Em um de seus sumiços no Santos neste ano, Diogo Vitor alegou que a sua avó, Maria Luzia, havia morrido para se justificar. A cúpula santista ficou sensibilizada com o fato e ligou na casa do jogador, mas se surpreendeu mais uma vez, já que a própria avó atendeu a ligação. Dona Maria diz que ficou surpresa com a história e não sabe dizer se o neto faltou com a verdade ou se cometeu um engano, pois quem morreu foi a bisavó do atleta. 

Diogo arrumou confusões e teve até que voltar a sua cidade Natal, em Coqueiral-MG. Em abril deste ano, ainda em Minas Gerais, na cidade de Santana da Vargem, o atacante se envolveu em um acidente na madrugada. Ele estava em uma caminhonete que bateu em uma parede, mas ninguém se feriu.

A revelação santista seria apresentada ao torcedor na Copa São Paulo de Futebol Júnior deste ano, mas ele sumiu e não participou da competição. Diogo alegou dor de dente e ainda rejeitou o tratamento do clube.

Diogo, que sempre foi considerado uma 'joia' nas categorias de base do Santos, atua do lado esquerdo do ataque, mas também tem treinado como armador centralizado. No jogo-treino entre Santos e Portuguesa Santista, nesta terça-feira, ele entrou na segunda etapa e teve grande atuação na vitória do alvinegro praiano por 3 a 0.

Caso não cometa outro ato de indisciplina, Diogo Vitor deve enfim fazer a sua estreia pelo sub-23 do Santos na segunda fase da Copa Paulista.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos