Udinese alega calote em duas transações e aciona o Atlético-MG na Fifa

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Atlético-MG

    Maicosuel é titular absoluto da equipe comandada por Marcelo Oliveira

    Maicosuel é titular absoluto da equipe comandada por Marcelo Oliveira

O Atlético-MG tem um problema para solucionar. A Udinese, da Itália, acionou a Fifa para cobrar o clube dos valores referentes às negociações de Maicosuel, em 2014, e Douglas Santos, em 2015. Os mineiros reconhecem a dívida, mas não confirmam os valores.

Franco Collavino, diretor geral do clube italiano, confirmou o débito dos brasileiros, avaliado em 4,5 milhões de euros (R$ 16,5 milhões na cotação atual).

"É verdade, temos uma disputa com o Atlético Mineiro por falta de pagamento dos dois jogadores (Maicosuel e Douglas). Eu tive que acionar a Fifa para solicitar o pagamento. Fomos forçados a fazê-lo diante da ausência de resposta do clube brasileiro. Estamos ansiosos para a observação da Fifa sobre o caso", disse ao TMW, em 6 de setembro.

O Atlético aguarda o recebimento da transferência de Douglas Santos para o Hamburgo, da Alemanha, para quitar o débito com os italianos. O lateral esquerdo foi negociado por aproximadamente 7,5 milhões de euros (R$ 27,5 milhões na cotação atual).

Caso a Fifa dê parecer favorável à Udinese, o clube de Belo Horizonte deve receber um prazo para pagar o valor em questão. Em caso de punição, a equipe não pode perder pontos na edição em andamento do Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos