Em alta, Casemiro quer ser lembrado por "raça e alma" no Real Madrid

Do UOL, em São Paulo

  • JUAN MEDINA/Reuters

Vivendo a melhor fase de sua carreira e carregando até o status de insubstituível no Real Madrid, o volante Casemiro concedeu uma entrevista ao jornal espanhol "Marca" na qual disse que gostaria e ser lembrado na história do clube como um exemplo de dedicação e sacrifício.

O brasileiro citou jogadores que marcaram época no clube pela entrega nas partidas e disse que seu maior prazer em campo é conseguir um desarme. Por isso, ele que ficar conhecido por sua "raça e alma".

"Eu gosto de me sacrificar pelos companheiro, porque sei que o meu esforço será recompensado com gols e futebol. Não sabe o quanto eu desfruto quando eu roubo uma bola e o Bernabéu me aplaude", disse, antes de relembrar uma passagem quando chegou ao clube.

"Ao chegar no Real Madri me falaram de Juanito, de Goyo Benito, do Real Madrid da raça. Tomara que algum dia dentro de muitos anos as pessoas falem de Casemiro como este Madrid da raça e da alma em campo", contou.

O Real Madrid estreia na Liga dos Campeões na quarta-feira contra o Sporting. Casemiro é presença certa pelo bom desempenho nos últimos jogos e pela confiança que o técnico Zinedine Zidane tem em seu futebol. "Pessoalmente eu tenho que agradecê-lo muito porque confia em mim e sabe que não vou falhar", disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos