Tevez vai a Tribunal e corre risco de punição dura por insultar árbitro

Do UOL, em São Paulo

  • AFP

    Tevez e atletas do Boca reclamam com árbitro Germán Delfino após expulsão do atacante contra o Belgrano

    Tevez e atletas do Boca reclamam com árbitro Germán Delfino após expulsão do atacante contra o Belgrano

O atacante Carlito Tevez será julgado nesta terça-feira pelo Tribunal de Disciplina da Associação de Futebol da Argentina em virtude da expulsão na vitória do Boca Juniors contra o Belgrano, 3 a 0. O jogador recebeu cartão vermelho após insultar o árbitro Germán Delfino.

Caso seja enquadrado no artigo 185 do regulamento da AFA, o atleta pode pegar até 12 partidas de gancho.

A confusão ocorreu quando Tevez derrubou adversário na lateral de campo, aos 36 minutos de jogo. O juiz aplicou cartão amarelo. Descontente com a advertência, Tevez respondeu com palavras ofensivas. Delfino, imediatamente, mostrou o cartão vermelho.

A expectativa de Tevez e do Boca é que a punição seja por mais duas partidas, enquadrando o caso no artigo 186 (de 1 a 4 partidas de pena). O artigo 185 estabelece punição de 3 a 12 partidas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos