Fagner é absolvido pelo STJD por falta em Ederson. Heber também é liberado

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Fagner não precisará cumprir punição de um jogo extra por causa da falta que fez em Ederson, no jogo entre Corinthians e Flamengo, no dia 3 de julho, pelo Campeonato Brasileiro. Na ocasião, ele entrou em um carrinho por trás no atleta flamenguista.

O jogador do Flamengo está fora de combate desde então e passou até por cirurgia. O lateral direito não foi punido no jogo pelo árbitro Heber Roberto Lopes, mas acabou condenado depois em 1ª instância pelo STJD.

O clube paulista, então, entrou com recurso e conseguiu vitória no Pleno do STJD nesta quinta-feira (15). "O Fagner foi absolvido, não tem mais nenhum problema em relação a esse jogo", explicou o advogado do clube no caso João Zanforlim.

Vale destacar, no entanto, que o atleta não enfrentará o Palmeiras neste sábado porque levou o terceiro cartão amarelo no empate por 1 a 1 com o Coritiba. Uendel, que sentiu dores no mesmo jogo, fará tratamento intensivo e é dúvida.

Heber Roberto Lopes também havia pegado gancho de 20 dias na primeira instância do STJD e recorreu para continuar apitando as partidas. Ele também foi absolvido nesta quinta-feira pelo Tribunal. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos