Chavez diz que ainda não sabe se fica no SP e quer time forte fora de casa

Pedro Lopes

Do UOL, em São Paulo

  • LUIS MOURA/WPP/ESTADÃO CONTEÚDO

    Chavez comemora o seu gol pelo São Paulo contra o Figueirense, no Brasileirão

    Chavez comemora o seu gol pelo São Paulo contra o Figueirense, no Brasileirão

Artilheiro do São Paulo no Campeonato Brasileiro com cinco gols, Andres Chavez tem data marcada para deixar clube: está emprestado pelo Boca Juniors (ARG) até o meio de 2017. O clube brasileiro já admitiu que quer antecipar as conversar para mantê-lo, mas a negociação ainda não começou. Enquanto, o camisa 9 não garante sua permanência.

"Nesse caso, não falamos muito. Os torcedores estão me dando muito carinho e tenho claro que vim por empréstimo. Quero terminar o torneio, seguir fazendo gols, depois falar sobre o futuro. Sempre quero o melhor, nao falei sobre isso com os dirigentes, penso em jogar e seguir fazendo mais gols que isso resultará em coisas positivas para mim e para minha equipe", afirmou.

O comandande do ataque são-paulino se mostrou descontente com o desempenho do time nas partidas como visitante. Para Chavez, o São Paulo é um no Morumbi, e outro fora.

"Nesse último jogo vinhamos fazendo tudo bem, agora são tres jogos como visitante, perdemos o primeiro. Temos que pensar em como jogar da mesmo forma em todos os estádios. Em casa você se sente mais cômodo, com a torcida ao seu lado, mas acho que precisamos jogar assim também fora".

Depois de perder para o Atlético-PR no domingo, o São Paulo agora volta suas atenções para a Copa do Brasil, pela qual encara o Juventude, em Caxias do Sul – os gaúchos venceram no Morumbi por 2 a 1. No final de semana, de volta ao Brasileirão, encara o Vitória, também fora de casa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos