Acabou o amor no United: Mourinho é chamado de obsoleto e Ibra vira "cone"

Do UOL, em São Paulo

  • Reuters / Phil Noble Livepic

    Após três derrotas seguidas pelo United, Mourinho começa a ser questionado

    Após três derrotas seguidas pelo United, Mourinho começa a ser questionado

José Mourinho e Zlatan Ibrahimovic tiveram o início dos sonhos no Manchester United, que joga contra o Northampton, nesta quarta-feira (21), pela Copa da Liga Inglesa. Eles começaram uma nova era em Old Trafford conquistando a Supercopa da Inglaterra e engatando três vitórias seguidas no Campeonato Inglês, mas bastaram três derrotas consecutivas para a dupla virar alvo de críticas na imprensa.

Após reveses para o Watford e Manchester City no Inglês e Feyenoord na Liga Europa, Mourinho foi chamado de ultrapassado por Christophe Dugarry, campeão mundial pela França em 1998, e questionado por Paul Scholes, ex-jogador e ídolo do United.

"Eu tenho a sensação que o último sucesso tático de Mourinho foi aquele jogo de Champions League entre Inter de Milão e Barcelona. Ele ganhou títulos desde então, mas eu acho que ele perdeu o ritmo", afirmou Dugarry.

"Ele acredita que é mais importante que o time. Ele sempre culpa a arbitragem e a sorte dos oponentes pelas derrotas. Não tem autocrítica", acrescentou Dugarry.

Mourinho recebeu críticas também de Harry Redknapp, ex-jogador e técnico com passagem por diversos clubes ingleses. Para ele, o treinador do United precisa mostrar que vale o que se paga por ele.

"Sempre existiu uma aura em torno de Mourinho e ele nunca foi tímido para dizer quão bom ele é, mas agora ele realmente tem que fazer valer seu dinheiro e tirar o United dessa rota", disse Redknapp.

"O maior problema de Mourinho no momento é encontrar o equilíbrio no time titular. Tem muitas estrelas, egos enormes e grandes talentos no vestiário do United. Ele terá noites de insônia tentando entender a receita correta", opinou Redknapp.

Outro motivo para as críticas direcionadas a Mourinho é a posição de Paul Pogba, contratação que custou 105 milhões de euros, tornando-se o jogador mais caro da história do futebol. Segundo o ídolo do Manchester e hoje comentarista Paul Scholes, o técnico português ainda não conseguiu encontrar o lugar ideal para o meio-campista francês em Old Trafford.

"Ele jogou na Juventus como terceiro homem de meio de campo, e era sensacional. Ele jogou como segundo homem um pouco pela França na Eurocopa, e não foi bem. Nesta temporada, está jogando nesta posição e não anda bem", defendeu Scholes, titular absoluto de Alex Ferguson por anos no United.

"Agora queremos ver o Pogba da Juventus. Para tirar o melhor dele, acho que tem que jogar como terceiro homem no meio de campo."

Ibrahimovic é chamado de "cone"

Nem mesmo os cinco gols anotados em sete jogos pelo United fizeram com que Ibrahimovic escapasse da sanha dos críticos na Inglaterra. A começar pelo próprio Dugarry, que chamou o atacante sueco de "cone" por sua falta de mobilidade em campo.

"Ibra é um cone. As pessoas falam sobre seus números, mas ele é um cone. Quando você vê uma partida do Ibra, não é possível jogar assim. Isso é futebol inglês, o jogo é a 200 km/h", afirmou o Dugarry.

O Manchester United joga contra o Southampton para afastar a crise nesta quarta, a partir das 15h45, pela Copa da Liga Inglesa. Enquanto uma vitória pode amenizar as críticas ao time de Mourinho, um quarto revés seguido irá piorar de vez o clima no entorno de Old Trafford. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos