Lesionados, Casemiro e Marcelo devem desfalcar seleção nas eliminatórias

Do UOL, em São Paulo

  • Sergio Pérez/Reuters

O técnico Tite ganhou dois problemas para as próximas partidas do Brasil nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Lesionados, o volante Casemiro e o lateral esquerdo Marcelo passaram por exames nesta quinta-feira (22), ficarão afastados nas próximas semanas e dificilmente defenderão o time nacional nos confrontos contra Bolívia, em 6 de outubro, e Venezuela, no dia 11.

Casemiro teve constatada uma fissura na fíbula esquerda, sofrida na partida contra o Espanyol no fim de semana, e ficará afastado por tempo indeterminado, segundo comunicado oficial do Real Madrid. O jornal Marca aponta que o tempo de recuperação previsto é de três semanas, enquanto o periódico Ás afirma que o volante pode ficar fora dos gramados por até dois meses.

"Na sequência dos exames realizados hoje ao nosso jogador Casemiro no Hospital Universitário Sanitas La Moraleja, foi-lhe diagnosticada uma fissura no terço médio da fíbula da perna esquerda. Pendente de evolução", disse o clube espanhol em um comunicado.

Já Marcelo sofreu lesão muscular na panturrilha direita nos instantes finais da partida contra o Villarreal, na última quarta, e tem previsão de afastamento de duas semanas. Ambos os jogadores ainda não foram cortados pelo time nacional, mas devem ser substituídos para os jogos das eliminatórias.

Além dos dois atletas do Real Madrid, Tite não poderá contar com o atacante Douglas Costa, que também foi cortado por lesão. O treinador convocou Taison para o lugar do jogador do Bayern de Munique.

O Real Madrid deve ficar sem seus dois brasileiros por pelo menos três partidas: duelos contra Las Palmas e Eibar, pelo Campeonato Espanhol, e Borussia Dortmund, pela Liga dos Campeões.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos