Coritiba entra na Justiça e cobra Inter por negócio envolvendo Ceará

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Divulgação SC Internacional

    Lateral direito foi centro de negociação com idas e vindas, em agosto

    Lateral direito foi centro de negociação com idas e vindas, em agosto

O Coritiba acionou judicialmente o Internacional. A ação cobra R$ 1 milhão por conta da transferência do lateral direito Ceará, que não foi aprovado em exames médicos e chegou a ter transferência cancelada. Depois, o Colorado voltou atrás e firmou contrato. O time gaúcho, à época, afirmou que iria tentar reduzir o valor do negócio pelas condições físicas do atleta.

"O Coritiba já entrou (na Justiça). Era a única coisa que tinha a fazer. O Internacional vai ter que pagar na Justiça o que deve ao Coritiba", disse Rogério Bacelar, presidente do time paranaense, à ESPN Brasil.

Ceará foi procurado pelo Internacional no começou de agosto. A negociação relâmpago teve proposta salarial alta e pagamento imediato ao Coritiba. Mas no meio do trâmite houve reviravolta. Uma lesão muscular fez o Inter desistir do negócio.

O time do Paraná não aceitou o atleta de volta e chegou a divulgar documento assinado pelo então diretor de futebol do Colorado, Marcos Marino, pedindo dados bancários para depósito de R$ 1 milhão. Para o Coritiba, o negócio nunca foi desfeito.

"O que faltou ao nosso coirmão Internacional foi ética. O jogador estava relacionado para o jogo com Vitória, ele não deixou o jogador viajar e mandou ir a Porto Alegre. Fez proposta e tudo. A multa do Ceará era R$ 10 milhões, o Internacional ofertou R$ 1 milhão por escrito. Nós aceitamos a proposta. O Internacional não pagou e disse que o jogador não servia. Se ele estava pronto para jogar pelo Coritiba, esse departamento de futebol do Inter deveria ter avaliado antes de ter feito a proposta e tirado o jogador do Coritiba", criticou Bacelar.

Depois de apresentar lesão na coxa, Ceará ficou em Porto Alegre por quase uma semana e acabou sendo contratado, de fato, após reforma completa no departamento de futebol do clube gaúcho.

Anunciado oficialmente em 18 de agosto, Ceará já disputou cinco partidas pelo Internacional. Três delas como titular. Aos 36 anos, ele tem vínculo firmado até dezembro de 2017.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos