Prass tem recuperação adiantada e braço operado com movimento normal

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Cesar Greco/Ag. Palmeiras

    Com a recuperação adiantada, Fernando Prass até praticou chutes em Atibaia

    Com a recuperação adiantada, Fernando Prass até praticou chutes em Atibaia

Quase dois meses depois de constatada a fratura no cotovelo direito, responsável por tirá-lo da disputa dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, Fernando Prass apresenta um grande avanço na recuperação da cirurgia no local. A atual situação surpreende pela evolução acima do esperado no tratamento de fisioterapia.

Ainda sob a expectativa de retornar aos gramados apenas no ano que vem, Fernando Prass se encontra em estágio avançado em relação ao planejamento inicial do departamento médico palmeirense. Quem garante é o médico Rubens Sampaio, que conversou com o UOL Esporte depois da vitória por 2 a 0 sobre o Corinthians, no último sábado.

"Em relação ao que a gente estava projetando, creio que está adequado sim [o processo de recuperação]. Talvez um pouquinho adiantado", garantiu o médico à reportagem.

Fernando Prass passará por uma reavaliação com o médico Eduardo Benegas, responsável por operá-lo há quase dois meses. Dependendo do resultado da reavaliação, o tratamento pode avançar ainda mais.

"A gente deve acrescentar mais algumas coisas. Ele já tem todo o movimento normal, fazendo trabalhos de força e está se condicionando fisicamente", detalhou o médico palmeirense, ainda ponderado em estipular uma antecipação definitiva na recuperação do goleiro.

"A gente tem que aguardar esta avaliação para ver o quanto a gente pode adiantar ainda mais", avaliou Rubens Sampaio.

A atenção ao cotovelo direito de Prass cresce pelo fato de ser a segunda grave lesão do ídolo palmeirense no local. Em maio de 2014, o goleiro fraturou o local na derrota por 4 a 2 para o Flamengo e permaneceu cinco meses afastado dos gramados.

Já neste ano, o veterano de 38 anos lesionou a articulação em um treinamento às vésperas do amistoso contra o Japão, o último antes dos Jogos do Rio. No aquecimento para a partida, ocorrida em 30 de julho, a situação se agravou e o local acabou novamente fraturado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos